Início Viagens As 15 cascatas mais bonitas do Gerês (algumas quase secretas)

As 15 cascatas mais bonitas do Gerês (algumas quase secretas)

É um dos último redutos naturais de Portugal e surpreende pela quantidade de rios, ribeiras e cascatas. Estas são as 15 cascatas mais bonitas do Gerês.

548322
2
cascatas mais bonitas do Gerês
Gerês

Quais são as cascatas mais bonitas do Gerês? O Parque Nacional Peneda Gerês é um dos mais belos santuários da vida selvagem em Portugal. Aqui pode encontrar fauna selvagem, árvores milenares, rios com água pura e… muitas cascatas. Se pretende visitar as cascatas do Gerês e, quem sabe, refresca-se nelas nos dias mais quentes do Verão, não se esqueça de cumprir as regras básicas de segurança do Parque.

Acima de tudo, lembre-se que tem que imperar o bom senso. São frequentes as notícias de banhistas que sofrem acidentes no Gerês. Tenha sempre muito cuidado e lembre-se que as rochas que rodeiam as lagoas e as cascatas podem ser especialmente escorregadias. Além das devidas precauções de segurança, não se esqueça também de levar mantimentos, calçado apropriado (por favor, não leve sandálias), protector solar e chapéu. E já agora… não faça lixo. Afinal de contas, está no único Parque Nacional do país. Descubra as 15 cascatas mais bonitas do Gerês (algumas delas quase secretas).

 

1. Cascata de Leonte

A Cascata de Leonte é uma queda de água (cascata) localizada nas proximidades de Caldas do Gerês, freguesia de Vilar da Veiga, concelho de Terras de Bouro e distrito de Braga, em portuguesa. Esta queda de água encontra-se localizada a 2 km da Portela do Homem junto à ponte e as suas águas provêm do ainda incipiente rio Homem dentro do Parque Nacional da Peneda-Gerês.

Cascata de Leonte
Cascata de Leonte

Forma-se com o despenhar das águas do alto de uma penedia de rocha granítica. Depois da queda as águas dão forma a uma serena lagoa bastante utilizada nas épocas de veraneio. Para se chegar a esta cascata é preciso chegar até ao local da Portela do Homem, sendo que o caminho a partir daqui se encontra assinalado.

 

2. Cascata de Fecha de Barjas

As Cascatas de Fecha de Barjas, por vezes designadas Cascatas do Taiti (designação errada) são uma queda de água(cascata) localizada nas Caldas do Gerês, freguesia de Vilar da Veiga, concelho de Terras de Bouro e distrito de Braga, em Portugal.

Cascata Fecha de Barjas
Cascata Fecha de Barjas

É uma cascata de alta montanha cujas águas são provenientes do Rio Arado e onde só se pode chegar por caminhos pedestres dada a grande dificuldades de acesso ao local visto os caminhos serem muito sinuosos e agrestes. Esta queda de água termina numa calma e serena lagoa com margens de areia e águas cristalinas que representa um refúgio para o difícil caminho.

 

3. Cascata do Arado

A Cascata do Arado é uma queda de água (cascata) fluvial localizada no Rio Arado, perto da aldeia da Ermida, freguesia de Vilar da Veiga, concelho de Terras de Bouro e distrito de Braga, em Portugal. Esta cascata caracteriza-se por se localizar num curso de água de alta montanha, no rio Arado em que o desnível do terreno é vencido por uma sucessão de cascatas que terminam num lago de águas cristalinas nas proximidades da aldeia da Ermida, localizada a leste das Termas do Gerês.

Cascata do Arado
Cascata do Arado

O caminho para esta cascata faz-se a partir da aldeia da Ermida, por uma estrada florestal rodeada de vegetação abundante até ao cruzamento desta com o entroncamento que vai para o sítio de Pedra Bela. A partir deste local falta cerca de 1,5 km até à ponte sobre o rio Arado.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here