Início Sociedade Portugal: 24 cidades que irão desaparecer por causa do aquecimento global

Portugal: 24 cidades que irão desaparecer por causa do aquecimento global

O aquecimento global é uma ameaça séria, especialmente em Portugal. Saiba quais são as 24 cidades que irão desaparecer por causa do aquecimento global.

933137
39
aquecimento global

Não há como negar e as evidências são cada vez maiores: o aquecimento global está a provocar o degelo do Ártico e a subida do nível médio da água do mar. Sendo Portugal um país com uma frente marítima imensa e com a população a concentrar-se especialmente no litoral, são muitas as cidades em risco de ser inundadas, em maior ou menor escala, total ou parcialmente.

A situação é bem mais grave e séria do que se pensa. O degelo do Ártico está a avançar a um ritmo mais rápido do os cientistas calcularam inicialmente. Uma subida de 3, 4 ou 5 ºC causada pelo aquecimento global pode levar a um aumento de até 7 metros no nível da água do mar. As imagens apresentadas neste artigo foram feitas tendo como previsão um aumento de 7 metros, algo que pode acontecer até 2050.

Confira 24 cidades que irão desaparecer por causa do aquecimento global.

 

1. Vila Real de Santo António

Vila Real de Santo António
Vila Real de Santo António

 

2. Faro

Faro

 

3. Olhão

Olhão
Olhão

 

4. Portimão

Portimão
Portimão

 

5. Lagos

Lagos
Lagos

 

6. Tróia

Tróia
Tróia

39 COMENTÁRIOS

  1. Dado que já tenho muita idade creio que isso não vai acontecer enquanto eu vivo. No entanto ja falei com amigos da covilhão para procurarem casas disponiveis na covilhã.

  2. Poderiam publicar as fontes deste estudo por favor? Sem tais fontes, esta informação tem zero credibilidade.
    Acho ainda estranho não estar nem Lisboa nem Porto na listagem, porque também estas cidades vão ser afectadas.

  3. Já ta errada a notícia, mesmo que o Artico derreta o ível do mar não aumenta pq ele não tem continente, então é gelo sob água, agora se a Antártida degelar aí sim teríamos um aumento no nível do mar. O que preocupa é o degelo do gelo em terra e não do gelo no mar

    • Mas se o gelo que está flutuando sobre o mar virar água, ele não se soma às águas dos mares, ocasionando um aumento do nível do mar também? De qualquer forma, imagino que o degelo da Antártida seria mais grave, pois imagino que há uma quantidade de gelo muito maior lá… mas não tenho certeza.

        • Certo, mas o gelo em causa não está apenas dentro da água, está também sobre a água, e esse sim acresce o volume da água. Agora se é em quantidade significativa ou não isso já não sei..

          • Se o gelo estiver a flutuar sobre água a sua fusão não altera o nível do mar. O volume do gelo acima do nível do mar é compensado exactamente pela contração do volume resultante da fusão. Isto pode ser facilmente demonstrado. A subida do nível mar virá da fusão do gelo sobre a Gronelândia e da Antártida e também da expansão térmica da água que já era líquida.

  4. O tipo que comecou com esta coisa foi Al Gore e com isso se fez muito rico.
    Depois comprou uma mansao enorme mesmo a beira mar.

    • Pois acredito que sera mais que évidente o desaparecimento da Costa Algarvia ,mas isso ja se sabia.hoje uma das fontes de rendimento do nosso país sera amanha uma zona sem solucoes nao son pour o au mento do oceano mas pela seca que se vive hoje.Tudo isto, e penso que nao vai durar muito tempo a perdermos essais fonte de rendimento.

  5. LISBOA E PORTO SÃO CIDADES ALTAS. RECUARÃO AS ZONAS RIBEIRINHAS, NUMA PRIMEIRA FASE. DEPOIS É QUE SERÁ MAIS COMPLICADO. TODO O LITORAL SERÁ MUITO AFECTADO EM TODO O PAÍS.

    • Sugiro que procure informações detalhadas do relatório entregue por 700 cientistas de todo o mundo, à ONU… Para não acusar quem está minimamente informado de ignorantes. Sugiro também que se informe com cientistas portugueses, estudiosos e informados sobre o assunto em questão, para ficar mais esclarecido… Basta ir ao site da faculdade de ciências de Lisboa e procurar por um dos maias conceituados cientistas portugueses na matéria, Prof. João Lin Yun ( https://ciencias.ulisboa.pt/pt/evento/24-02-2018/planeta-terra-cat%C3%A1strofe-em-c%C3%A2mara-lenta ), espero ter ajudado no seu allheamento da realidade.

    • por causa de ignorântes como tu é que hoje nos encontramos nesta situação,tente ler mais se esclarecer mais sobre tudo que vem acontecendo no mundo pela ação da mão do homem,enquanto existir ignorante como tu estamos fudidos,se informe antes de opinar veja o que se passa no mundo,depois escreva algo de útil

      • Uau la porque alguem tem uma opiniao diferente e nao acredita so nos modelos que os humanos poeem no computadotr para gerar a informacao que querem nao ha necessidade de ser rude e ofensivo!

  6. Não questiono o aquecimento, mas a forma com os mídia manipulam as notícias, os estudos, é uma confusão, uns dizem que é inevitável acontecer esta catástrofe, outros dizem que a a contecer demorá milhares de anos! Que pensar? Se fosse eu cientista e tivesse estudos para poder discutir, mas não tenho, só posso me rever no que leio, e já li tanta coisa contraditória, mas uma coisa tenho como certa, os interesses financeiros estão sempre em primeiro, e os americanos são os primeiros da lista em fazerem grandes alaridos e transmitir o medo para confundirem os mais ingénuos e tirarem sempre partido dessas posturas! Enfim, é o mundo em que vivemos, e devemos é aproveitar enquanto cá estamos e ainda bem que temos um ciclo, se fossemos imortais, corríamos esses riscos todos, assim, já não vai ser para nós !!

    • Sim. O problema é dos media e dos políticos. A mudança climática é consensual entre os cientistas. Infelizmente, a situaçãoatual está a confirmar os seus piores cenários.

  7. Não vejo Lisboa como uma das cidades inundadas o que não acredito que lamentavelmente não venha a acontecer, uma vez que o Barreiro, Moita, Montijo são afectados. Bem como a baixa da cidade do Porto, uma vez que Matosinhos é afectado. Enfim… é da maneira que o interior vai ficar menos despovoado e mais próximo do litoral. O país irá ficar mais pequeno em termos de território de terra firme e maior no território marítimo.

  8. Isto é uma noticia de treta. Na foz do Tejo e noutros locais é possível criar comportas como existe actualmente em Amesterdão que evita a inundação da cidade pelo mar do Norte.

  9. HÁ UMA GRANDE CONTRADIÇÃO ACERCA DO AQUECIMENTO GLOBAL.ESTAREMOS A FALAR NO CIRCULO POLAR ARTICO,EM QUE DE FACTO NO CASO CONCRETO DA GRONELÂNDIA SÃO VISIVEIS GRANDES AREAS SEM NEVE.MAS OS MAIORES PROBLEMAS COM O AUMENTO DA TEMPERATURA É NA ANTÁRTIDA.
    IRÁ HAVER GRANDES MASSAS DE HUMIDADE QUE PODERÃO TER O COMPORTAMENTO DAS MONÇÕES..SE HÁ DEGELO,TAMBEM HÁ CALOR EM DEMASIA.
    O PLANETA JÁ SOFREU UM AQUECIMENTO GLOBAL HÁ MUITOS MILHÕES DE ANOS.SURGIRAM OUTRAS FORMAS DE VIDA.PROVAVELMENTE É O QUE IRÁ ACONTECER……

    • Exatamente Fernando!
      Isto é o ciclo natural, nada a vêr com a estupidez de aquecimento por causa da poluição atmosferica, que é só fantasia!

  10. Bem, lá terei que ocupar uma pequena parcela no Cerro de São Miguel, cerro do Malhão, cerro do Guilhim, ou Cerro da Goldra.

  11. Proponho uma experiência a todos.
    Encham um copo de água e coloquem uma boa pedra de gelo lá dentro. Esperem que o gelo derreta e observem o quanto a água sobe.
    ZERO.

  12. Fake. A pressão média é igual ao quociente da resultante das forças perpendiculares à superfície de aplicação e a área desta superfície. Quanto menor for a pressão atmosférica, mais rapidamente essa igualdade acontecerá e menor será a temperatura da água para que ocorra. Portanto, isto é fake.

  13. Passar uma noite numa casa na árvore pode ser um sonho de criança tornado realidade. Descubra os sítios onde pode tornar isto possível.

  14. Quanto mais pessoas neste planeta, mais pegada ecológica.
    Não oiço falar em reduzir os nascimentos.
    Bastava limitarem a um máximo de dois filhos por casal em todo mundo.
    Não oiço falar em acabar com a livre circulação de pessoas e bens.
    Reduzia significativamente a pegada ecológica.
    Não oiço falar em embalagens reutilizáveis.
    Não oiço falar em penalizar severamente quem utiliza embalagens demasiado grandes para um produto demasiado pequeno.
    Acabar com os produtos que não servem para nada, a não ser para encher os bolsos aos gulosos.
    Nomeadamente com as religiões que são mais uma cambada de inúteis a viver à conta, assim como os pseudo desportos que não servem para nada.
    Desporto é aquilo que se pratica depois de trabalhar. ( que nada tem a ver com essas palhaçadas que só servem param encher os bolsos a parasitas da chamada comunicação social e todos os envolvidos na trama e aumentar a pegada ecológica.)
    Se eu jogar ao berlinde com o meu vizinho, pratico mais desporto do que ir gritar por escravos importados que andam de um lado para o outro armados em importantes.
    E que tal ir conquistar terrenos ao deserto com toda essa mão de obra inútil que por esse mundo abunda, não esquecendo políticos e presos e toda essa massa de inúteis afectos aos ministérios.

  15. Se assim for também irá ser atingida toda a costa da Beira Litoral,as Gafanhas, Mira, Ovar, até Águeda e por aí fora…
    Estamos bem nós, na Serra do Caramulo

  16. Isto ja se ouve ha muito tempo mas agora acredito que o aquecimento global e cada ves maior que nunca jamais foi no tempo do cretacio ou seja dos dinossauros que nominaram a terra durante 165 minhoes atras

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here