Início Viagens Os 15 melhores locais para visitar em Veneza

Os 15 melhores locais para visitar em Veneza

É uma das cidades mais românticas do mundo e uma das paragens obrigatórias numa viagem a Itália. Estes são os melhores locais para visitar em Veneza.

16390
1
Veneza
Veneza

É a capital da região italiana de Veneto, no norte do país, e é uma das cidades mais bonitas do mundo. Mas não é apenas isso. Veneza é uma cidade completamente diferente de todas as outras, seja na Itália ou seja no resto mundo. Na realidade, esta deslumbrante cidade espalha-se por 117 pequenas ilhas separadas por uma rede de canais mas ligadas por pequenas pontes, o que faz de Veneza uma das cidades mais românticas do mundo. Passear pelos seus canais, seja nas famosas gôndolas ou seja a pé pelas ruelas adjacentes, é uma experiência única.

Durante a Idade Média e durante o Renascimento Italiano, Veneza transformou-se numa cidade extremamente poderosa e influente, tornando-se num importante centro financeiro e militar. O poder de Veneza residia nos seus mercadores que dominavam a então Rota da Seda, que trazia mercadorias da Ásia até à Europa. Graças ao poder económico, veio também o poder cultural e artístico, transformando Veneza num dos grandes pólos dinamizadores do Renascimento e dando origem a alguns dos monumentos e das obras de arte que ainda hoje podem ser visitados e apreciados na cidade, como a Basílica de São Marcos, por exemplo. Estes são os melhores locais para descobrir em Veneza, Itália!

 

1. Basílica de São Marcos

Facilmente o edifício mais conhecido e famoso em Veneza, a Basílica de São Marcos é de uma arquitectura sublime que resistiu ao teste do tempo desde a sua criação em 1092 e continua a ser um dos mais importantes edifícios religiosos do norte da Itália.

Basílica de São Marcos
Basílica de São Marcos

Todos os aspectos desta igreja são fantásticos – Do detalhe ornamentado, esculturas e obras de arte da fachada frontal, aos afrescos lindamente pintados e obras de arte bizantinas no interior do tecto abobadado. Localizado na Piazza San Marco, esta basílica é facilmente acessível a partir do grande canal e é um dos exemplos sobreviventes mais conhecidos da arquitectura bizantina italiana.

 

2. Praça de São Marcos

Enquanto a Basílica de São Marcos é o edifício mais famoso de Veneza, a Praça de São Marcos é a praça mais famosa. Localizada no grande canal, em frente à ilha de San Giorgio Maggiore, esta praça tem uma  grande importância em Veneza e é um lugar verdadeiramente espectacular para se visitar. Em redor da Piazza existe uma série de edifícios ornamentados com passadiços arqueados que se enquadram perfeitamente na paisagem urbana.

Praça de São Marcos
Praça de São Marcos

Além disso, vários edifícios importantes estão localizados na praça, incluindo o Campanário de São Marcos, a Basílica de São Marcos, o Palácio dos Doges (Palácio Ducal) e a Torre dell’Orologio. Esta praça é realmente o lugar perfeito para começar o seu passeio por Veneza e deslumbrar-se com algumas das suas vistas mais impressionantes.

 

3. Canale Grande

Veneza tem literalmente centenas de canais que ligam as várias ilhas que compõem a cidade – o maior deles é o Canale Grande. Este canal monumental é mais parecido a um rio que passa de um lado de Veneza para o outro e serpenteia a cidade através do centro histórico. Mais de 170 edifícios que datam desde o século 13 alinham-se ao longo deste canal que serviu como uma importante via navegável na cidade há centenas de anos.

Canale Grande
Canale Grande

Apenas quatro pontes permitem atravessar a pé o grande canal, pois geralmente pessoas e turistas viajam ao longo do canal em gôndolas, não sobre ele. Considere caminhar ao longo de secções do canal, admirando os edifícios que o rodeiam e observando o tráfego de gôndolas na movimentada Veneza.

 

4. Ponte di Rialto

Como uma das pontes que atravessa o impressionante Canal Grande, a Ponte di Rialto é, sem dúvida, a mais famosa e icónica. Conectando os distritos de San Marco e San Polo de Veneza, a ponte é uma importante via pedestre, mas também uma atracção turística extremamente popular.

Ponte di Rialto
Ponte di Rialto

Originalmente uma ponte de madeira, foi utilizada ao longo de centenas de anos até que colapsou em 1524. Após este incidente, uma ponte de pedra ornamentada foi construída no mesmo local e esta é a ponte que pode observar nos dias de hoje. Os detalhes e o design da ponte são simplesmente lindos e a sua simetria enquadra perfeitamente com o grande canal.

 

5. Gallerie dell’Accademia

Localizada em frente à Ponte dell’Accademia no Grande Canal, este museu possui uma bela colecção de arte anterior ao século XIX e apresenta obras de artistas como Bellini, Canaletto e Ticiano. O prédio em que a galeria está alojada foi anteriormente um convento e foi convertido no museu nos finais do século 18.

Gallerie dell'Accademia
Gallerie dell’Accademia

Para aqueles que amam arte renascentista e obras-primas icónicas desta época, esta galeria é de visita obrigatória. Possivelmente, a sua peça mais conhecida é o Homem Vitruviano de Da Vinci, que mostra as proporções ideais do homem. Outros trabalhos notáveis ​​incluem a Ressurreição de Tintoretto, Virgem e Criança por Ticiano, e a Batalha de Lepanto por Veronese.

 

6. Lido de Veneza

Quando visitar Veneza pode sentir a necessidade de procurar um local mais relaxado para fugir às multidões de turistas e o Lido é o lugar certo. Esta ilha separada das restantes cria uma barreira entre Veneza e o Mar Adriático e apresenta um longo trecho de praia para desfrutar do Sol.

Lido de Veneza
Lido de Veneza

Com cerca de 20 mil habitantes, o Lido também tem uma série de áreas residenciais, lojas, restaurantes e hotéis. Com um sentimento muito mais calmo, descontraído e relaxado em relação ao centro de Veneza, o Lido é uma verdadeira fuga e proporciona um forte contraste com as ruas e vias navegáveis ​​que cercam o grande canal.

 

7. Palácio dos Doges

Um dos edifícios mais famosos em Veneza, além da Basílica e do Campanário, o Palácio dos Doges também fica na Praça de São Marcos, mas virado para o grande canal. Este palácio ornamentado é simplesmente deslumbrante e a sua fachada frontal apresenta um belo design arqueado feito de pedra branca com uma série de padrões de diamantes nas paredes.

Palácio dos Doges
Palácio dos Doges

No interior, o palácio é impressionante e há uma série de salas imensamente decoradas que possuem detalhes originais, móveis e obras de arte. Os passeios guiados através do palácio estão disponíveis e é aconselhável passar algum tempo visualizando o exterior e o interior para observar calmamente os seus detalhes e assim capturar verdadeiramente um pedaço da história de Veneza.

 

8. Ponte dos Suspiros

Embora seja apenas uma pequena ponte no esquema relativo de Veneza, a Ponte dos Suspiros é uma das estruturas mais vistas da cidade e é um marco histórico importante e digno de uma visita (e muitas fotografias!). Passando pelo Rio di Palazzo, a ponte liga o Prigioni Nuove ao Palácio dos Doges.

Ponte dos Suspiros
Ponte dos Suspiros

A lenda diz que, quando os criminosos atirados do Palácio por cima da ponte, eles lançariam um último olhar sobre Veneza e um suspiro, meditando sobre a sua punição e prisão. A uma curta distância da Praça de São Marcos, a Ponte dos Suspiros vai levá-lo a viajar pelo passado de Veneza e vai dar por si a imaginar como seria esta belíssima cidade no tempo medieval.

 

9. Um passeio de Vaporetto pelo Grande Canal

O Vaporetto é a principal forma de transporte em Veneza – Sim, você pode apanhar um comboio na estação principal, e sim, você pode andar a pé pelas ruas, mas para realmente sentir o espírito de Veneza, você deve experimentar um passeio pela água! O sistema Vaporetto é altamente eficiente e é uma das formas mais rápidas de viajar para as várias ilhas de Veneza.

Um passeio de Vaporetto pelo Grande Canal
Um passeio de Vaporetto pelo Grande Canal

Pode comprar passes prolongados que permitem múltiplos usos para que não precise se preocupar com a compra de um bilhete cada vez que usar um Vaporetto. Durante a sua estadia em Veneza, tente viajar no Vaporetto o máximo possível e desfrute do canal de água e das vistas e sons que encontrará.

 

10. Campanário de São Marcos

Como a estrutura mais alta em Veneza, o campanário é um edifício imponente que tem uma colossal altura de 98,6 metros. O edifício que existe actualmente é na verdade uma reconstrução já que o original colapsou em 1902. Originalmente criado no século 9, o campanário foi usado como uma torre de vigia. Ao longo dos anos, a torre foi danificada por incêndios, terramotos e até mesmo relâmpagos.

Campanário de São Marcos
Campanário de São Marcos

Construído usando simples tijolos vermelhos, o eixo principal é bastante simples, mas o torre sineira e o pináculo apresentam uma miríade de arcos e pedras e o topo possui uma estátua dourada do anjo Gabriel. Admire a torre desde a Piazza di San Marco mas também suba o elevador até ao topo para que possa desfrutar, possivelmente das melhores vistas panorâmicas de Veneza.

 

11. San Giorgio Maggiore

Esta é uma das ilhas separadas mais pequenas e que não está ligada aos canais principais de Veneza. San Giorgio Maggiore fica a uma curta distância da Bacia de Veneza e do Grande Canal e pode ser alcançada através do famoso Vaporetto ou através de táxi aquático privado.

San Giorgio Maggiore
San Giorgio Maggiore

Na ilha está localizado o fantástico mosteiro de San Giorgio, a Igreja de San Giorgio Maggiore e o grande campanário de onde pode observar o outro campanário situado na Praça de São Marcos. Atravesse o pequeno porto e veja os vários barcos ancorados, visite a fantástica igreja e o mosteiro, e suba o campanário para desfrutar de umas vistas deslumbrantes sobre a cidade de Veneza.

 

12. Murano

Murano é outra das ilhas do distrito de Veneza. Esta área de terra é composta por várias pequenas ilhas conectadas entre si por uma série de canais e pontes (tal como Veneza). Murano tem um charme maravilhoso e muitas vezes não está tão ocupado de turistas como as principais ruas de Veneza.

Murano
Murano

Esta maravilhosa cidade-ilha tem inúmeros pontos turísticos, incluindo a Basílica dei Santa Maria, o Campo Santo Stefano e o Palazzo Da Mula. Além disso, Murano é famosa pela sua tradicional indústria vidreira e você pode ver demonstrações ao vivo nas várias fábricas que aqui estão estabelecidas.

 

13. Igreja de Santa Maria Assunta

Localizada na região de Cannaregio de Veneza, a Igreja de Santa Maria Assunta é uma estrutura conhecida como I Gesuiti. A fachada frontal da Igreja possui várias colunas de pedra, estátuas ornamentadas de figuras religiosas e uma série de detalhes intrincados. Uma enorme porta de bronze serve de entrada principal.

Igreja de Santa Maria Assunta
Igreja de Santa Maria Assunta

Construída em 1729, esta é uma das igrejas mais recentes em Veneza, mas também é importante e o interior contém uma série de obras de arte impressionantes, como o martírio de São Lourenço por Ticiano. Além disso, obras de arte, afrescos e detalhes de ouro cobrem o tecto da igreja e algumas lindas obras de arte de motivos cobrem as paredes e as colunas.

 

14. Basílica de Santa Maria della Salute

Possivelmente a segunda igreja mais famosa de Veneza, a Basílica de Santa Maria della Salute fica no lado oposto do grande canal que vai até à praça de São Marcos e destaca-se da arquitectura circundante. Com um design barroco, esta igreja foi completada em 1687 e é designada como uma pequena basílica da Igreja Católica Romana.

Basílica de Santa Maria della Salute
Basílica de Santa Maria della Salute

Assumindo o centro do palco no Grande Canal, o exterior está decorado com quatro estátuas dos apóstolos e a cúpula principal ergue-se como uma torre na linha do horizonte. O interior dá a impressão de ser maior do que aquilo que realmente é e o design hexagonal permite que a luz se espalhe pela Basílica. Embora não tenha sido decorada com mesmo grau que outras igrejas da Itália e por isso seja mais simples, esta basílica possui uma beleza cativante.

 

15. Ilha Torcello

Se por acaso se fartar um pouco de toda a confusão causada pelos turistas de Veneza, a ilha de Torcello oferece um refúgio ideal para descontrair num ambiente mais relaxado já que é muito menos frequentada do que as principais áreas de Veneza. Localizada ao extremo leste da parte principal de Veneza, Torcello está aninhada atrás de Burano e fica a aproximadamente 45 minutos de Veneza através de um ferry que faz transportes regulares todos os dias.

Torcello
Torcello

Percorra a rua principal de Torcello e admire o seu belo canal até chegar à Igreja de Santa Maria Assunta, que tem um design fantástico. Além disso, existe um museu especial que mostra a história deste conjunto de 117 ilhas, famoso no mundo inteiro e destino de milhões de turistas todos os anos.

Autor: Jorge Sá

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here