Início Viagens Os 15 melhores locais para visitar em Turim

Os 15 melhores locais para visitar em Turim

Fica no norte da Itália e é uma cidade repleta de história e de monumentos para descobrir. Estes são os melhores locais para visitar em Turim.

683
0
Turim
Turim

A cidade de Turim, na realidade, foi a primeira capital italiana e tem sido um importante centro cultural e económico há bastantes anos. Situada na parte noroeste de Itália, Turim é a capital da região do Piemonte e tem o rio Pó. A cidade de Turim apresenta uma população de 892 000 habitantes e a área metropolitana maior possui cerca de 2,2 milhões de residentes.

Tal como muitas regiões italianas, Turim viu a actividade romana e um acampamento militar foi ali realizado. Quando o Império Romano entrou em colapso na Europa Ocidental, Turim foi ocupada por várias nações e impérios diferentes. Durante os anos 1300-1600, a cidade passou por um grande crescimento e ganhou muita da sua arquitectura fabulosa e edifícios culturais no decurso desse período.

Na era moderna, Turim foi rapidamente reconstruída após a Segunda Guerra Mundial e a sua indústria automóvel tornou-se uma das principais influências do renascimento económico italiano. A cidade é, agora, uma mistura fantástica de antigo e novo e oferece uma brilhante gama de atracções. Estes são os melhores locais para visitar em Turim.

 

1. Palazzo Reale

Palazzo Reale
Palazzo Reale

Está situado na Piazza Castello. O Palácio Real de Turim é um magnífico edifício que foi criado no século XVI. No interior há uma miríade de quartos esplendorosamente decorados com o estilo e a elegância que se espera de um palácio real. É possível participar em visitas guiadas ao Palazzo Reale.

 

2. Palazzo Madama

Palazzo Madama
Palazzo Madama

À semelhança do Palazzo Reale, também o Palazzo Madama se localiza na Piazza Castello. Originalmente a servir de fortificação defensiva, este edifício não se tornou palácio antes do século XIII. A fachada frontal do Palazzo Madama apresenta uma fileira de colunas ornamentadas e uma paliçada enfeitada com esculturas.

 

3. Mole Antonelliana

Mole Antonelliana
Mole Antonelliana

Foi criada em 1889, apesar de parecer muito mais antiga. Originalmente uma sinagoga judaica, o edifício agora abriga o Museu Nacional do Cinema e é, na verdade, o museu mais alto do mundo. À noite, a basílica do edifício é iluminada e funciona como um farol que é observável a partir de muitos pontos da cidade.

 

4. Museu Egípcio de Turim

Museu Egípcio de Turim
Museu Egípcio de Turim

Fica entre a Piazza San Carlo e a Piazza Castello, no centro de Turim. Dedicada à arqueologia e à história egípcia antiga, esta estrutura museológica é fantástica para os apreciadores de história e apresenta uma enorme quantidade de artefactos e exposições. Criada em 1833, a colecção original foi importada de outros museus e tem sido expandida ao longo dos anos.

 

5. Catedral de Turim

Catedral de Turim
Catedral de Turim

Criada em 1491, a Catedral de Turim trata-se de um belo exemplo da arquitectura renascentista. Localizada ao lado do Palazzo Reale, esta igreja é dedicada ao santo padroeiro de Turim, João Baptista. Dentro da catedral há afrescos fantásticos e estátuas de mármore de figuras religiosas famosas.

 

6. Sudário de Turim

Sudário de Turim
Sudário de Turim

Este artefacto religioso é um pedaço de tecido que traz a imagem de Jesus de Nazaré e acredita-se que seja a sua mortalha funerária. As origens e a identidade do sudário têm sido debatidas por estudiosos, cientistas e teólogos, sendo que, até este momento, nenhuma história conclusiva apareceu.

 

7. Museu Nacional do Cinema

Museu Nacional do Cinema
Museu Nacional do Cinema

Fica na impressionante torre Mole Antonelliana. Trata-se de um dos museus mais visitados em Itália. Encontrará uma série de coisas fascinantes, nomeadamente cartazes de filmes e bobinas. Este é um local sensacional para qualquer fã da sétima arte e proporcionará horas de diversão e exploração.

 

8. Basílica de Superga

Basílica de Superga
Basílica de Superga

Construída em 1731 e projectada por Filippo Juvarra, a basílica possui um estilo barroco e tem um belo design em laranja e branco com muitas colunas e decoração ornamentada. A cúpula permite a entrada de uma grande quantidade de luz por intermédio de uma série de janelas arqueadas.

 

9. Parque Valentino

Parque Valentino
Parque Valentino

Está situado junto às margens do rio Pó. Trata-se do segundo maior parque público turinês: ocupa uma área de 500 000 metros quadrados. Foi criado no século XIX, mais precisamente em 1856. Dentro do parque encontrará um jardim botânico, o Castelo Valentino e uma réplica de uma povoação medieval.

 

10. Porta Palatina

Porta Palatina
Porta Palatina

Uma das muitas ruínas que ainda hoje há na moderna Turim, é o portal romano mais bem preservado do mundo desde o século I. Originalmente, este imenso portal teria servido como um ponto de acesso ao centro da cidade através das muralhas da cidade que noutros tempos cercaram a antiga Turim.

 

11. Santuário da Consolata

Santuário da Consolata
Santuário da Consolata

Também conhecida como Igreja de Nossa Senhora da Consolação, esta basílica destaca-se como um dos locais de culto mais antigos da cidade. Existe desde o início do século XI. Um frontão triangular adorna a entrada da frente e é mantido no lugar por quatro grandes colunas de pedra.

 

12. Piazza San Carlo

Piazza San Carlo
Piazza San Carlo

Uma praça de estilo barroco, a Piazza San Carlo foi estabelecida e desenvolvida nos séculos XVI e XVII. Presta homenagem a Carlos Borromeo (tratou-se de um influente cardeal e arcebispo). A praça é emoldurada por uma série de arcadas e edifícios revestidos de mármore que lhe dão uma bela simetria.

 

13. Piazza Castello

Piazza Castello
Piazza Castello

É, sem dúvida, a mais famosa praça de Turim e abriga muitos edifícios emblemáticos. Localizada no centro da zona histórica, a Piazza Castello é um enorme espaço público que é a vida da cidade. Encontrará aqui o Palazzo Reale, o Palazzo Madama, o Arsenal Real e o Teatro Real.

 

14. Palácio Carignano

Palácio Carignano
Palácio Carignano

O Palácio Carignano é o terceiro museu a visitar, depois do Palazzo Reale e do palácio Madama. Abriga o Museu do Ressurgimento Italiano e apresenta a história da Itália através de numerosos textos, documentos, filmes e pinturas soberbas. Não perca o salão onde o primeiro parlamento italiano se reuniu. Logo atrás do Palácio Carignan, na entrada do Museu Risorgimento, você também pode ver a praça Carlos Alberto, com a estátua equestre do antigo rei da Sardenha. Esta praça é muito fotogénica graças à bela fachada do museu ao fundo.

 

15. Vila Medieval de Turim

Vila Medieval de Turim
Vila Medieval de Turim

A vila medieval de Turim está localizada no coração do Parque Valentino. Foi criado em 1884 para a exposição geral italiana que teve lugar em Turim. Ele recria a atmosfera de uma típica cidade piemontesa do século XV: você pode ver uma ponte levadiça, lojas de artesanato e até mesmo uma capela. Também pode visitar a fortaleza, uma reconstrução de uma residência senhorial. Dentro, pode ver a sala de armas, a sala de jantar, as cozinhas e os subterrâneos que abrigam a prisão.

Autor: Jorge Sá

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here