Início Viagens Os 12 melhores locais para visitar em Ponte da Barca

Os 12 melhores locais para visitar em Ponte da Barca

É uma das mais pitorescas localidades do Vale do Lima e inclui parte do Gerês. Estes são os melhores locais para visitar em Ponte da Barca.

7432
0
Ponte da Barca
Ponte da Barca

Localizada numa região verdejante à beira do Rio Lima, pensa-se que Ponte da Barca foi buscar o seu nome à barca que fazia a ligação entre as duas margens, antes da ponte ser construída no séc. XV. O centro histórico da vila com casas solarengas (algumas adaptadas a Turismo de habitação) e belos monumentos dos séculos XVI-XVIII merece uma visita cuidada, bem como os seus arredores, em que se destacam a Igreja românica de Bravães do séc. XIII e o Castelo do Lindoso (séc. XIII) que teve um papel importante na defesa da região. São muitas as atracções turísticas e os pontos de interesse em Ponte da Barca, desde os monumentos do seu centro histórico até às aldeias tradicionais do Parque Nacional Peneda Gerês.

Ponte da Barca
Ponte da Barca – Rui Videira

Na região Demarcada dos Vinhos Verdes, parte deste do concelho está inserido no Parque Nacional da Peneda Gerês, que oferece excelentes para actividades desportivas e de lazer. Ponte da Barca é um dos quatro municípios que integram o Vale do Lima. Nesta região, percorrer a Rota dos Gigantes é uma forma de conhecer os locais onde nasceram quatro grandes figuras históricas que levaram Portugal aos quatro cantos do mundo. Estes são os melhores locais para visitar em Ponte da Barca.

 

1. Centro Histórico de Ponte da Barca

O centro histórico de Ponte da Barca está repleto de pontos de elevado interesse. Comece pela ponte medieval sobre o Rio Lima, o antigo mercado setecentista, o pelourinho e o cruzeiro do Curro. Prossiga a caminhada até à Fonte barroca de São João e depois suba a escadaria até à Igreja Matriz, um templo do século XVII.

Ponte da Barca
Ponte da Barca

Ao lado, aprecie a fachada da Casa de Farias, um magnífico solar da segunda metade do século XVIII. Já, em direcção à Praça da República, pare para apreciar a Igreja da Misericórdia, uma das mais antigas igrejas de Portugal, fundada em 1534. Termine este percurso junto ao edifício dos Paços do Concelho e aproveite para descobrir os sabores típicos da região, como o vinho verde tinto da Casta Vinhão, o cabrito, a lampreia e as queijadas de laranja, entre outras iguarias.

 

2. Castelo de Lindoso

Como todos os Castelos Portugueses junto à fronteira com a Espanha, este também está estrategicamente situado na formação da Nacionalidade. Não se sabe ao certo a fundação, crendo-se ser do início do séc. XIII, mais propriamente entre os anos 1220 e 1258. Datas estas que estavam referenciadas só na segunda inquirição, devendo-se a sua fundação a D. Afonso III. Mais tarde, mandado restaurar e ampliar por D. Dinis, a quem atribuem a torre de menagem, que nele residia aquando das caçadas que faziam no Gerês. No séc. XVII o Castelo foi reforçado, mantendo a sua arquitectura medieval.

Lindoso
Lindoso – Rui Videira

A construção inicial de duas torres quadrangulares defende a porta de armas virada para a povoação, no lado oposto está a torre de menagem de quinze metros de altura e ampla, têm a face norte alinhada com a cerca que a substitui. Pensa-se que no lado da actual entrada fosse a chamada porta da traição, hoje junto à ponte levadiça. Há cerca de anos este Castelo tinha uma pequena e insignificante cobrança à entrada, razão pela qual o seu interior se mantinha limpo, que também dava entrada na torre de menagem. Agora, que com certeza há mais visitas, tem um pouco de ar de abandono, A partir de 1910 o Castelo de Lindoso entrou para a lista dos classificados como Monumento Nacional.

 

3. Ponte Medieval de Ponte da Barca

Situada nos limites da lindíssima vila de Ponte da Barca, na verde região Minhota, esta histórica Ponte situa-se sobre o Rio Lima numa paisagem idílica, de grande beleza natural. De facto, a própria vila deve o actual topónimo a esta Ponte. Outrora apelidada de “Nóbrega”, topónimo de provável origem celta, séculos mais tarde foi apelidada de “Barca”, devido ao atravessamento do Rio Lima ser então efectuado por meio de uma Barca. Posteriormente, aquando a construção de finais do século XIV do símbolo da cidade, esta bonita Ponte, passou a ser conhecida por “Ponte da Barca”.

Ponte da Barca
Ponte da Barca

A Ponte reforça a sua importância no domínio comercial, constituindo um forte ponto de passagem, centro e eixo regional na direcção do litoral. Ponte da Barca foi também local de passagem de peregrinos e fieis, por ser local de cruzamento de dois caminhos de ligação a Santiago de Compostela. Hoje em dia classificada como Monumento Nacional, a estrutura foi alvo de fortes remodelações nos séculos XVIII e XIX. É constituída por dez arcos quebrados ou plenos, desiguais entre si, conservando apenas da construção medieval oito arcadas. No centro estão duas lápides, uma com as armas de Ponte da Barca, outra com a esfera armilar.

 

4. Antigo Mercado de Ponte da Barca

Considerado o ex-libris da Vila, este Mercado Pombalino é uma obra singular de grande valor arquitectónico. Foi edificado em 1752 com duas grandes arcadas apoiadas em colunas, destinava-se ao abrigo dos comerciantes, barqueiros e seus bens. O Mercado Pombalino é uma obra singular, de grande valor arquitectónico, situado em frente ao Pelourinho. O Abrigo Porticado, que ambienta a sua praça,

Antigo Mercado de Ponte da Barca
Antigo Mercado de Ponte da Barca

Localizado na praça do Mercado Pombalino está o pelourinho de Ponte da Barca. Classificado como Monumento Nacional, será datado pelos finais do século XVI. É constituído por uma coluna de granito cilíndrica, apoiada num soco de quatro degraus. Apresenta características maneiristas e barrocas (Século XVIII) no seu topo, com uma esfera e um cone. Testemunha da influência de D. Manuel, pelos respectivos elementos herálidicos, isto é as armas reais e a cruz de Cristo, mas também testemunha da preponderância dos donatários da vila, a família Magalhães pelas faixas aí representadas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here