Início Viagens Os 12 melhores locais para visitar em Miranda do Douro

Os 12 melhores locais para visitar em Miranda do Douro

No norte de Portugal, banhada pelo Rio Douro e na fronteira com Espanha: estes são os melhores locais para visitar em Miranda do Douro.

19412
0
Miranda do Douro
Miranda do Douro

Entre os destinos menos conhecidos a norte está a linda cidade de Miranda do Douro, no distrito de Bragança. Situada entre os rios Fresno e Douro, próxima da fronteira, Miranda do Douro é uma cidade repleta de história, numa localização excecional. Em redor, o belo Parque Natural do Douro Internacional, leva-nos a conhecer montanhas agrestes e despovoadas. Com uma origem eminentemente medieval, Miranda do Douro cresceu orgulhosa da sua categoria de fronteira multicultural. Aqui fala-se a única língua reconhecida em Portugal para alem do português, o mirandês, com afinidades com Leão e Astúrias. A sobrevivência deste idioma demonstra uma idiossincrasia muito própria e apaixonada pelas tradições e modos de vida ancestrais. É uma região onde o folclore tem um peso especial, como podemos ver nas Festas da cidade ou Santa Bárbara.

Miranda do Douro é célebre pelo seu folclore colorido e animado – os Pauliteiros de Miranda com o seu trajo típico de saias, executam a dança do pau acompanhada pelo toque da gaita foles cuja origem remonta à ocupação celta da região, na Idade do Ferro. Na gastronomia, destaque para a famosa “Posta mirandesa”, confeccionada com a excelente carne dos bovinos criados nesta zona.

 

1. Sé Catedral de Miranda do Douro

A Sé Catedral de Miranda do Douro está considerada como um dos mais belos monumentos do norte de Portugal. Teve o seu início no ano de 1552, tendo a duração de construção de meio século, ou seja, foi terminada no fim desse século. Este templo, com uma concepção maneirista, apresenta alguns elementos renascentistas de planta cruciforme de três naves, com quatro tramos e abóbada nervada sustentada por oito pilares toscanos. A monumental fachada principal, simétrica e regular, é ladeada por duas torres e encimada por uma balaustrada.

Sé Catedral de Miranda do Douro
Sé Catedral de Miranda do Douro

No interior evidencia-se o retábulo da capela-mor com um conjunto de esculturas dedicadas a Santa Maria Maior (1610-1614). O cadeiral do coro do Cabido da Sé Catedral constituiu-se na primeira metade do séc. XVII, tomando um estilo maneirista de uma obra de grande raridade. Este monumental templo religioso, tanto exteriormente como interiormente, está classificado como Monumento Nacional desde 1910.

 

2. Parque Nacional do Douro Internacional

O Parque Natural do Douro Internacional abrange parte dos concelhos de Miranda do Douro, Mogadouro, Freixo de Espada à Cinta e Figueira de Castelo Rodrigo, no troço fronteiriço do Rio Douro (numa extensão de cerca de 122 km). As margens escarpadas do vale profundo do rio formam desfiladeiros monumentais de grande espectacularidade, que várias espécies de aves, ameaçadas de extinção a nível nacional e internacional, escolheram para nidificar, atraídas certamente também, pela proximidade das explorações agrícolas e pecuárias onde podem facilmente localizar e obter alimentos.

Arribas do Douro
Arribas do Douro – Rui Videira

De entre elas destaca-se o Abutre do Egito ou Britango, que foi escolhido como símbolo deste Parque. O clima da região regista acentuadas amplitudes térmicas, com Invernos frios e Verões muito quentes e secos, estando a área sul do Parque integrada na denominada “Terra Quente”. Nos meses de Fevereiro e Março, com as amendoeiras em flor, a natureza oferece um espectáculo de beleza e cor, muito apreciado e celebrado com festas populares.

 

3. Miradouro de São João das Arribas

O Miradouro de S. João das Arribas localiza-se em pleno Parque Natural do douro Internacional, nas “arribas” do Douro internacional, junto ao castro de Aldeia Nova que é um povoado fortificado da Idade do Ferro. Este Castro deverá ter sido também utilizado durante a época romana como local de passagem, pois foram descobertas várias lápides romanas na capela de S. João, que dista 1500 metros do castro, está classificado como Monumento Nacional desde 1910.

Miradouro de São João das Arribas
Miradouro de São João das Arribas

O Parque Natural de Arribas do Douro é uma área verde protegida situada às orlas do rio Douro no trecho fronteiriço entre Espanha e Portugal. Faz parte da rede de Parques Naturais de Castela e Leão e no lado português corresponde-se com o Parque Natural do Douro Internacional. A denominação de Arribas aplica-se localmente à geografia dos rios Águeda, Douro, Esla, Huebra, Tormes e Uces. A característica mais destacada desta área verde é a grandiosidade paisagística de seus escarpados vales. Um espectacular palco natural artisticamente lavrado pelos cursos de água que percorrem suas fecundas terras.

 

4. Miradouro da Fraga Amarela

O Miradouro da Fraga Amarela situa-se junto junto da Castro da Cigaduenha. Este castro é um povoado do 1º milénio a.c. e ocupa uma extensa plataforma, cujos rebordos a sul caem a pique, sobre o Douro, proporcionando assim uma imagem magnifica do canhão do rio.

Miradouro da Fraga Amarela
Miradouro da Fraga Amarela

Mais outro trecho da fabulosa paisagem geológica construída pelo Douro eficazmente aproveitada como inexpugnável muralha pelo castro, que sendo muito vulnerável na outra ponta, obrigou a preceder a muralha com um grandioso campo de pedras fincadas, autenticas navalhas afiadas de pontas para cima, defendendo a porta do povoado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here