Início Viagens Os 12 melhores locais para visitar em Helsínquia

Os 12 melhores locais para visitar em Helsínquia

A capital da Finlândia é uma cidade nórdica repleta de charme e recantos para descobrir. Estes são os melhores locais para visitar em Helsínquia.

662
1
Helsínquia
Museu do Design

A capita da Finlândia é uma cidade surpreendente. Antes de a visitar, convém desfazer todos os mitos que tem dentro de si próprio sobre as cidades nórdicas. Helsínquia, como não poderia deixar de ser, reflecte em si a organização, cultura e qualidade de vida próprios da Finlândia. No entanto, é também uma cidade movimentada, vibrante e apaixonante. A melhor época para visitar Helsínquia é entre Maio e Setembro, quando as temperaturas se tornam mais amenas e os parques verdes da cidade começam a florescer de novo. Trata-se de uma cidade relativamente compacta e, por isso mesmo, fácil de explorar a pé ou através dos excelentes transportes públicos. Helsínquia é uma cidade repleta de pontos de interesse mas, se tiver mais tempo, existem ainda diversas atracções turísticas a poucos minutos de distância que merecem uma visita. Estes são os melhores locais para visitar em Helsínquia.

 

1. Catedral de Helsínquia

Esta catedral neoclássica que preside sobre a Praça do Senado é uma das atracções turísticas mais populares de Helsínquia. Concluída em 1852, essa jóia de arquitectura neoclássica foi desenhada por Carl Ludvig Engel. Na verdade, muitos outros edifícios que alinham a praça foram projectados por este arquitecto alemão.

Catedral de Helsínquia
Catedral de Helsínquia

Esta catedral era originalmente conhecida como Igreja de São Nicolau, pois foi construída para celebrar o czar Nicolau I da Rússia. O nome foi alterado em 1917, ano da declaração finlandesa de independência. A Catedral de Helsínquia é notável principalmente pela sua cúpula de cor verde e arquitectura esplêndida. O interior pode parecer bastante simples, mas ainda vale a pena visitar.

 

2. Museu Nacional da Finlândia

A exposição permanente do Kansallismuseo percorre as diferentes fases vividas pelo povo finlandês, desde a pré-história até hoje. O museu foi projectado pelo famoso trio de arquitectos Gesellius-Lindgren-Saarinen, autores também da Estação Ferroviária de Helsínquia.

Museu Nacional da Finlândia
Museu Nacional da Finlândia

O museu foi construído em 1910 e, além da exibição de objectos históricos finlandeses, oferece um atelier ‘Vintti’ destinado a toda a família. Aqui, os visitantes podem descobrir a história através das suas próprias experiências, construindo casas de madeira ou entrando numa antiga carruagem de cavalos.

 

3. Catedral de Uspenki

A Catedral Uspenski é a maior igreja ortodoxa na Europa Ocidental. Pelo seu estilo de construção, a igreja é um dos símbolos mais claros sobre o impacto da Rússia sobre história da Finlândia. Na parte de trás da Catedral existe uma placa comemorativa ao Czar russo Alexander II (Aleksandr II Nikolaevich), que era o soberano do Grão-Ducado da Finlândia durante a construção da catedral. Foi construída entre 1862 e 1868. Foi projectada por Aleksey Gornostajev, com base numa igreja do século 16, próximo a Moscovo.

Catedral de Uspenki
Catedral de Uspenki

Os tijolos vieram da fortaleza Bomarsund em Aland, que havia sido destruída durante a Guerra da Crimeia, em 1854. O exterior da catedral de Uspenski não é elaboradamente decorado, mas é, no entanto, impressionante com suas paredes de tijolos de um vermelho profundo e cúpulas em forma de cebolas verdes e douradas. Há 13 cúpulas no total, representando Cristo e os doze apóstolos. Como a maioria das igrejas ortodoxas na Europa Ocidental, a catedral também impressiona pelo seu tamanho. A cúpula central é mantida no ar por quatro pilares de granito monolíticos.

 

4. Praça do Senado

Uma praça monumental localizada no centro da capital da Finlândia, dominada pelo edifício neoclássico da Catedral Luterana. A praça também conecta a Catedral com a Universidade e o Palácio do Conselho. Certifique-se de explorar a arquitectura desses edifícios imponentes, todos desenhados por um famoso arquitecto alemão Carl Ludvig Engel.

Praça do Senado
Praça do Senado

Todos os dias, algo realmente único acontece nesta praça precisamente às 5:49 da tarde. Nesse momento, pode ouvir uma instalação de som chamada Sound of the Senate Square que reproduz música carillon, viajando de um prédio para outro. A melhor posição para ouvir o som, está perto da estátua de Alexandre II.

1 COMENTÁRIO

  1. É muito agradável ler um artigo sobre os pontos de interesse de Helsínquia, mas, tendo em atenção a leitura realizada, considero que não se esforçaram muito na procura dos locais tipo de Helsínquia. Houve muitos que foram esquecidos. Tenho que destacar a feira que é realizada junto do porto de Helsínquia, do outro lado da rua do Palácio Presidencial Finlandês; e o centro da cidade, onde está a memorável estação de comboios de Helsínquia. São imperdoáveis estes esquecimentos; mas há mais como, por exemplo, o estádio olímpico. Um abraço.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here