Início Cultura Língua Portuguesa: 50 palavras difíceis de falar

Língua Portuguesa: 50 palavras difíceis de falar

O que são palavras difíceis de falar? Estas palavras da Língua Portuguesa têm origem técnica na maioria dos casos. Descubra algumas.

2974
0
palavras difíceis de falar
Língua Portuguesa

O que é necessário para que certos vocábulos sejam considerados como palavras difíceis de falar? A maioria destas palavras são de grandes dimensões e também de uso técnico. São palavras tão grandes e com tantas sílabas que provocam confusão a quem as tenta ler e pronunciar. Muitas delas não são utilizadas diariamente mas, em certas situações ou em determinadas profissões, somos obrigados a utilizá-las frequentemente. A criação de palavras grandes ocorre graças à composição e derivação de palavras, que permite a junção de diferentes radicais, bem como a junção de prefixos e sufixos.

Existem diversos exercícios práticos para aprender a pronunciar e a falar correctamente estas palavras. É a chamada terapia da fala, muito utilizada em crianças com problemas de linguagem mas também por pessoas que, por causa da sua profissão, são obrigadas a falar frequentemente em público ou a discursar, como professores e políticos, por exemplo. Portanto, se tiver alguma dificuldade em falar estas palavras, recomendamos aulas de dicção com um especialista. Descubra algumas das palavras mais difíceis de falar da Língua Portuguesa.

 

Palavras difíceis de soletrar de uso corrente

  • Anticonstitucionalissimamente, com 29 letras, é a maior palavra dicionarizada não técnica da língua portuguesa.
  • oftalmotorrinolaringologista, com 28 letras;
  • inconstitucionalissimamente, com 27 letras;
  • anticonstitucionalístico, com 24 letras.

 

Palavras com 21 letras:

  • contrarrevolucionário;
  • desconstitucionalizar;
  • desincompatibilização;
  • desinstitucionalizado;
  • desprofissionalização;
  • desproporcionadamente;
  • extraterritorialidade;
  • inconstitucionalidade;
  • inconstitucionalmente;
  • interconfessionalismo;
  • interdisciplinaridade;
  • interdisciplinarmente;
  • multidimensionalidade;
  • multidisciplinaridade;
  • pluridimensionalidade;
  • pluridisciplinaridade;
  • transdisciplinaridade.

 

Palavras difíceis de soletrar com 22 ou 23 letras:

  • anticonstitucionalismo (22 letras);
  • desinstitucionalizador (22 letras);
  • desinstitucionalizando (22 letras);
  • esternocleidomastóideo (22 letras);
  • otorrinolaringologista (22 letras);
  • anticonstitucionalmente (23 letras);
  • desconstitucionalização (23 letras).

 

Palavras difíceis de falar de uso técnico

  • Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico, com 46 letras, é a maior palavra técnica dicionarizada da língua portuguesa.
  • pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico, com 46 letras;
  • pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose, com 44 letras;
  • paraclorobenzilpirrolidinonetilbenzimidazol, com 43 letras;
  • piperidinoetoxicarbometoxibenzofenona, com 37 letras;
  • dimetilaminofenildimetilpirazolona, com 34 letras;
  • tetrabrometacresolsulfonoftaleína, com 33 letras;
  • hipopotomonstrosesquipedaliofobia, com 33 letras;
  • monosialotetraesosilgangliosideo, com 32 letras.
  • abdominoisterectômico (21 letras);
  • bromobenzenossulfónico (22 letras);
  • carbobenzoxiaminoácido (22 letras);
  • amidoazobenzossulfónico (23 letras);
  • aminoacetopirocatequina (23 letras);
  • cloroiodonitrobenzénico (23 letras);
  • duodenopancreatectómico (23 letras);
  • cineangiocoronariografia (24 letras);
  • alcoilbenzenossulfonático (25 letras);
  • dacriocistossiringotómico (25 letras);
  • dimetatarsoquartifalângico (26 letras);
  • electrofototermoterapêutico (27 letras);
  • colpocisturetrocistostómico (27 letras);
  • acetilparafenilenadiamínico (27 letras).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here