Início Sociedade 25 coisas normais em Portugal que não devemos fazer noutros países

25 coisas normais em Portugal que não devemos fazer noutros países

Se não pretende causar conflitos ou confusões nos locais que visita estas informações são para si. Desde a cumprimentos ou a hábitos gastronómicos: coisas normais que não deve fazer noutros países.

4571
0

 

Algo considerado normal e positivo em Portugal, pode ser ofensivo noutros pontos do globo. Há coisas que fazemos todos os dias, que noutros locais nos podem levar à prisão. Para os amantes de viagens, este artigo pode ser extremamente útil caso não pretenda criar conflitos ou mal entendidos com os habitantes do país que pretende visitar. E para os amantes de outras culturas, algumas curiosidades sobre os hábitos e comportamentos de outros povos vão, com certeza, fasciná-lo e aguçar a sua curiosidade em querer descobrir ainda mais. Descubra o que não pode fazer noutros países e mantenha-se longe de problemas.

 

1. Brindar batendo os copos

Em Budapeste, o acto de brindar batendo os copos relembra a derrota da Hungria, durante a revolução húngara. Quase dois séculos depois e o gesto ainda é considerado ofensivo.

 

2. Tocar na cabeça dos locais

Na Tailândia ou Myanmar, tocar na cabeça de alguém – mesmo crianças – é algo extremamente desrespeitador.

 

3. Mascar pastilhas elásticas

Além de ser falta de educação, mascar pastilha elástica em Singapura dá direito a multa. Em 1992 a pastilha elástica foi proibida no país e em 2004 foram autorizados as pastilhas elásticas para usos médicos.

 

4. Assoar o nariz

Na China, Arábia Saudita, Japão e Turquia assoar o nariz em público é um ato repulsivo.

 

5. Sentar no banco de trás do táxi

Na Austrália, Nova Zelândia, Holanda, Escócia e partes da Irlanda é considerado arrogante pois deixa claro a desigualdade.

 

6. Usar a mão esquerda

Em regiões africanas, no Médio Oriente, Índia e Sri Lanka é inaceitável usar a mão esquerda para comer, aceitar presentes ou qualquer outra coisa.

 

7. Comer em locais que não vendam comida

No Japão ou Ruanda comer fora dos locais que vendem comida é muito ofensivo. Nada de comprar um gelado e sair caminhando por lá…

 

8. Cumprimentar só com uma mão

Na Coreia do Sul, por exemplo, o costume manda que a mão esquerda apoie o braço direito durante a saudação. Pior do que não usar a mão esquerda, só mesmo deixá-la no bolso durante a saudação.

 

9. Abrir um presente imediatamente

Em países asiáticos, como a Índia ou a China, é considerado falta de educação e sinal de ganância.

 

10. Entrar em casa com sapatos

Na Tailândia, no Japão ou na Rússia é considerado ofensivo não retirar os sapatos para entrar em casa de alguém.

 

11. Mostrar a planta dos pés

Para os muçulmanos, árabes, budistas, hindus entre outros, mostrar a sola dos pés é sinal de desrespeito. Nos templos, o ideal é sentarem-se com os pés para trás, nunca com a planta dos pés para o altar.

 

12. Apontar com o dedo indicador

No Butão é rude apontar com o dedo indicador.

 

13. Conversar durante o jantar

Em certas partes da África, Ásia e Finlândia, o silêncio é a norma durante o jantar.

 

14. Dar gorjeta

No Japão ou na Coreia do Sul dar gorjeta aos funcionários de restaurantes, cafés ou hotéis é considerado um insulto.

 

15. Dizer a palavra “não”

No Quénia, deve evitar dizer a palavra “não”, mesmo que a resposta seja negativa. É melhor acenar com a cabeça ou dizê-lo por outras palavras.

 

16. Mostrar os dentes

Rir e mostrar os dentes é algo extremamente rude e descortês no Japão.

 

17. Recusar comida

Os portugueses têm o hábito de recusar comida para não dar trabalho ao anfitrião mas no Líbano essa atitude é considerada como sendo muito ofensiva.

 

18. Adicionar temperos à comida

Adicionar sal, pimenta ketchup ou qualquer outro tempero à comida é considerado como sendo ofensivo em países como Espanha, Itália, França ou Japão pois dá a entender que a refeição não está boa.

 

19. Comer toda a comida do prato

Na China é um acto de respeito deixar alguma comida no prato pois caso contrário poderá dar a sensação que o seu anfitrião não lhe deu comida suficiente.

 

20. Levantar o polegar

Levantar o polegar em Portugal é sinal de algo positivo mas, no entanto, no Médio Oriente é um acto equivalente a mostrar o dedo do meio.

 

21. Fazer “ok” juntando o polegar e o indicador

Este gesto, tão comum na sociedade ocidental, é considerado obsceno na Turquia.

 

22. Chegar atrasado

Na Inglaterra, Alemanha ou na Suiça, chegar atrasado é algo extremamente mal visto. O ideal é chegar uns minutos antes.

 

23. Chegar a horas

No total oposto do exemplo anterior, na Argentina é considerado indelicado chegar à hora certa. O ideal é chegar alguns minutos depois.

 

24. Oferecer um relógio de presente

Na China, o relógio simboliza a morte e por isso nunca deve ser oferecido de presente. Em alguns casos pode até ser considerado como sendo uma ameaça.

 

25. Oferecer cravos vermelhos

Embora tenham um significado muito especial para os portugueses, os cravos vermelhos são considerados símbolos de má sorte em França e portanto nunca deve oferecer estas flores a ninguém.

Autora: Susana Sousa Ribeiro

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here