Início Gastronomia Superalimentos: 12 excelentes alternativas baratas a incluir numa dieta saudável

Superalimentos: 12 excelentes alternativas baratas a incluir numa dieta saudável

Estão cada vez mais na moda e são parte essencial de uma dieta saudável. Descubra 12 sugestões de superalimentos bons e baratos.

1051
0
superalimentos
Superalimentos

Os superalimentos são definidos como uma categoria de alimentos de alto valor nutritivo, fontes de antioxidantes e com particulares benefícios para a saúde. Contudo, existem muitos que derivam de campanhas de marketing. Várias são as opções publicitadas como superalimentos cujos teores de alguns nutrientes são menores quando comparados com alternativas bem mais baratas.

dieta saudável
Fruta

Assim, e levando em consideração o teor nutricional, a facilidade com que podem incluir-se na dieta e o respectivo custo, apresentam-se em seguida dez alternativas de alimentos realmente super.

 

1. Kiwi

São alimentos ricos em fibra, vitamina C e E, potássio e magnésio. Sendo um fruto, é de fácil incorporação na dieta, mas por ser rico em magnésio é aconselhável o seu consumo à noite. O preço por quilo pode conseguir-se por menos de 3 €, o que é francamente apetecível face a todo o potencial.

 

2. Maçã

A maçã é um fruto purificador do organismo. Possui uma quantidade de pectinas que auxilia a eliminação de toxinas. Apresenta ainda muitos nutrientes interessantes como vitamina B, C e E. É igualmente uma fruta de fácil incorporação na dieta. Existem imensas variedades, mas 1,5 €/kg é um preço médio interessante.

 

3. Banana

Tem muitos nutrientes benéficos, podendo referir-se as vitaminas A, C, E e do complexo B. No mesmo sentido tem bons níveis de potássio e de vários minerais essenciais. É um snack saudável e fácil de consumir. Por 1 € conseguimos facilmente obter um quilo deste espetacular alimento.

 

4. Pêra

É uma fruta rica em potássio e vitamina C, além dos antioxidantes. Tem igualmente potencial para contribuir para uma alimentação equilibrada devido ao facto de aumentar a sensação de saciedade. É uma fruta cujo quilo ronda 1,5 €/kg.

 

5. Amendoins

São alimentos com alto poder saciante. Dos nutrientes que possuem destacam-se as gorduras monoinsaturadas, bem como os minerais, nomeadamente o cálcio, potássio, magnésio e fósforo. Na dieta assumem-se como potentes snacks. Para 1 kg de amendoins é necessário em média despender 2,5 €.

 

6. Pevides de abóbora

Extremamente ricas em ferro e em outros minerais muito importantes para o organismo. Inseri-las em lanches é uma excelente opção. O preço por quilo é de 10€, mas normalmente são comercializadas em embalagens de 200 gramas (cujo custos é sensivelmente de 2 €).

 

7. Batata doce

É rica em vitamina A e C, sendo muito importante para aumentar as defesas ao nível do sistema imunitário. No mesmo sentido é uma aliada na desintoxicação do organismo. Existem várias formas de a comer, desde cozida a assada no forno, passando por deliciosas chips (também confecionadas no forno). O quilo da batata-doce anda à volta dos 1,3 €.

 

8. Brócolos

Apresentam quantidades interessantes de vitamina C, carotenóides, vitaminas do complexo B e cálcio. São óptimas opções para sopa, acompanhamentos, saladas e mesmo puré. O seu valor anda pelos 1,5 €/kg.

 

9. Espinafres

Tal como os brócolos são ricos em carotenóides, vitaminas do complexo B e vitamina C. São igualmente interessantes para consumir em sopa, acompanhamentos, saladas e puré. Os espinafres têm um custo por quilo de sensivelmente 2 €.

 

10. Cebola

É um poderoso alimento no que visa a quantidade de antioxidantes que possui. Nesta medida, destaca-se a sua riqueza em vitamina A, C, E e algumas vitaminas do complexo B, bem como em alguns minerais (potássio, sódio e ferro). Para além de quercetina (poderoso antioxidante). O preço do quilo da cebola pode variar entre os 0,8 €/kg e os 2 €/kg.

 

11. Sardinha

É riquíssima em ómega 3, bem como em cálcio e vitamina D. Curiosamente a sardinha enlatada apresenta vantagens em relação à sardinha fresca. Daí que as conservas sejam uma excelente opção até para a carteira. Por menos de 1 euro existem boas opções para consumir esta iguaria.

 

12. Atum

Na mesma linha da sardinha apresenta uma bela quantidade de ómega 3. É um interessante elemento com propriedades anti-inflamatórias e relaxadoras dos vasos sanguíneos, o que se traduz numa diminuição da pressão arterial com consequentes benefícios a nível de circulação do sangue, diminuição do risco de AVC e do próprio nível de triglicéridos. Aconselha-se igualmente o seu consumo em conserva. Tal como a sardinha, por menos de 1 € existem excelentes opções em óleo, em azeite, ou ao natural.

Experimente agora dar largas à criatividade e crie receitas com estes extraordinários doze alimentos…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here