Início Viagens Os 12 melhores locais para visitar em Marvão e arredores

Os 12 melhores locais para visitar em Marvão e arredores

No alto da Serra de São Mamede fica uma das vilas mais bonitas de Portugal. Estes são os melhores locais para visitar em Marvão e arredores.

0

5. Moinho da Cova

O Centro de Interpretação Cultural e Ambiental do Moinho da Cova como o próprio nome indica está instalado num antigo moinho de agua junto à Praia fluvial do rio Sever, na povoação da Portagem no concelho de Marvão. A reconversão deste antigo moinho em equipamento de interpretação ambiental e cultural permite reproduzir de forma interactiva uma actividade secular e de elevada importância para a região, a moagem, ou não fosse o Alentejo o celeiro de Portugal.

Moinho da Cova
Moinho da Cova

O Moinho da Cova, com uma localização privilegiada no centro de lazer da Portagem, passagem obrigatória de quem pretende aceder a Marvão ou deslocar-se entre Portalegre e Espanha tem por objectivos apoiar o turismo, a cultura e as tradições locais. Este edifício é constituído por 2 andares, anteriormente, moinho no piso inferior e casa do moleiro no piso superior. Actualmente o piso inferior apresenta uma exposição museológica permanente onde os visitantes podem conhecer e reviver o passado, ajudando-os a melhor compreender a história e o dia a dia de um moinho de grão com algumas centenas de anos!

 

6. Portagem

Portagem é uma pitoresca povoação rural da freguesia de São Salvador da Aramenha, banhada pelo rio Sever, que proporciona à localidade um agradável espaço de lazer e descontracção. De acordo com a lenda, diz-se que o topónimo “Portagem” terá vindo dos Judeus expulsos de Espanha dos Reis Católicos, que para entrar em Portugal, pela ponte antiga ainda existente neste local, pagavam a “portagem”.

Portagem
Portagem

O rio Sever forma aqui uma piscina natural, formada entre duas pontes, propícia a agradáveis banhos, existindo mesmo ao lado o Centro de Lazer da Portagem, localizado no lado oposto ao actual parque de merendas, possuindo diversas infra-estruturas como piscina, polidesportivo, parque infantil e um circuito de manutenção, entre outras valias. A Portagem é também caracterizada pelos seus dois monumentos mais notáveis: a granítica Ponte Velha, vulgarmente apelidada de Ponte Romana, e a também granítica Torre Militar Medieval. Na localidade existem diversas opções de percurso pedestre, nomeadamente por antigos trilhos romanos, dada a proximidade com as Ruínas Romanas de Ammaia.

 

7. Estrada Nacional 246-1

Há cada vez menos estradas e locais assim e este também corre o risco de desaparecer por causa de notícias que indicam que as autoridades se preparam para cortar as árvores (ou pelo menos parte delas) que rodeiam esta estrada que é, sem dúvidas, uma das mais bonitas de Portugal. Quem percorre os caminhos de Portugal depara-se frequentemente com cenário idílicos, como se fossem saídos de um conto de fadas ou de um reino encantado. Além disso, a paisagem varia imenso num país tão pequeno como o nosso.

Estrada Nacional 246-1
Estrada Nacional 246-1

Mas quem alguma vez teve a sorte de viajar pelo Alentejo, dificilmente esquecerá o ramal N246-1, que liga a localidade de Portagem a Marvão. Rodeada completamente por freixos (que aliás era uma prática muito habitual até há umas décadas atrás) a estrada oferece um misto de espanto e relaxamento. A paisagem desta belíssima estrada varia consoante as estações do ano. Se no Outono pode apreciar as cores vermelhas e amarelas das árvores, no Inverno pode encantar-se com a melancolia dos ramos despidos de folhas. No Verão… é a frescura do verde das folhas que encanta quem por ali passa.

 

8. Estação Ferroviária de Marvão

A última estação do ramal de Cáceres antes da fronteira com Espanha é também o primeiro cartão de visita de Portugal para quem entra no nosso país por esta linha ferroviária. É por isso que a gare de Marvão – Beirã (fica bem mais perto da aldeia do que da histórica vila) ostenta belos painéis de azulejos com alguns dos principais monumentos lusos, como a Torre de Belém, o Mosteiro de Alcobaça e o Convento de Cristo, em Tomar.

Estação Ferroviária de Marvão
Estação Ferroviária de Marvão

Este conjunto, produzido pela Cerâmica Lusitana, foi pintado por Jorge Colaço, o mesmo autor dos painéis da vizinha estação de Castelo de Vide e do magnífico átrio da gare portuense de São Bento. Mas enquanto ponto fronteiriço não podiam faltar também as áreas que pertenceram à Guarda Fiscal, à Alfândega e à fiscalização dos passaportes. Curiosa é, igualmente, uma antiga sala reservada unicamente aos passageiros da primeira classe. Para que este património seja melhor preservado, a autarquia de Marvão classificou o edifício como Imóvel de Interesse Público.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here