Início Cultura Língua Portuguesa: escreve-se “senão” ou “se não”?

Língua Portuguesa: escreve-se “senão” ou “se não”?

Senão ou se não? Falar um bom português é cada vez mais importante. Descubra os segredos da Língua Portuguesa com as nossas dicas.

11291
0
Língua Portuguesa
Língua Portuguesa

A Língua Portuguesa é um idioma belíssimo mas repleto de pequenos truques e ratoeiras que podem confundir até os mais experientes neste que é o belíssimo idioma de Camões. Falar um bom português é cada vez mais essencial no nosso quotidiano, seja com os nossos familiares e os nossos amigos ou até mesmo em ambiente profissional, com os nossos clientes ou com os nossos chefes. Algumas palavras ou expressões causam uma imensa confusão à maioria das pessoas e por isso acabam por cometer erros de português inadvertidamente. Alguns dos exemplos mais famosos são os casos de onde e aonde, demais e de mais ou até a confusão entre bem-vindo ou benvindo. Outro caso também bem conhecido e comum, é a confusão entre “senão” e “se não”.

As duas hipóteses – senão ou se não – existem na língua portuguesa e estão correctas. Os seus significados são diferentes e podemos diferenciar situações em que devemos utilizar uma ou outra.

A sequência “se não” é usada com significado de “caso não”. A palavra “senão” é usada com significado de “a não ser” ou “caso contrário”, podendo indicar uma excepção, uma consequência negativa ou um problema.

 

Quando usar senão?

Senão é uma palavra complexa, abrangendo uma pluralidade de classes gramaticais e significados. É formada através da seguinte junção: se + não.

 

Situação 1: Sendo uma preposição, refere-se a uma limitação ou a uma excepção, sendo sinónima de excepto, salvo, fora, a não ser e menos.

  • O aluno não fez nada senão bagunça.
  • A criança não comeu nada senão um prato de papa de aveia.

Situação 2: Sendo uma conjunção indica a consequência negativa de uma afirmação anterior, sendo sinónima de “caso contrário”, “de outro modo” e “do contrário”.

  • Venha rápido, senão não chegaremos a tempo!
  • Saiam agora de casa senão vocês irão perder o avião.

Situação 3: Sendo um substantivo masculino refere-se a uma falha, problema, imperfeição, defeito ou mácula.

  • Aquela minha amiga tem apenas um senão, adora falar da vida dos outros.
  • Não houve qualquer senão na festa. Foi perfeita!

 

Quando usar se não?

“Se não” é uma sequência utilizada maioritariamente como conjunção condicional ou integrante, sendo sinónima de “caso não” e “quando não”. É formada pela conjunção se e pelo advérbio não.

Exemplos com se não:

  • Você fala como se não o conhecesse.
  • Se não conseguir entregar o projecto hoje, não se preocupe.
  • Se não fosse sua ajuda, não conseguiria terminar os meus afazeres.

 

Uso de senão e se não

É possível utilizar a expressão “se não” nos mesmos contextos em que se utiliza a conjunção “senão”, quando o verbo se encontrar omisso.

Senão = caso contrário

  • Venha rápido, senão não chegaremos a tempo!

Se não = caso não

  • Venha rápido, se não (vier), não chegaremos a tempo!

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here