Início Cultura Língua Portuguesa: 8 palavras fantásticas mas que ninguém utiliza

Língua Portuguesa: 8 palavras fantásticas mas que ninguém utiliza

A Língua Portuguesa possui inúmeras palavras interessantes mas muito pouco utilizadas. Sabe o que quer dizer diletante? E percuciente?

48037
4
Língua Portuguesa
Língua Portuguesa

Devido à riqueza vocabular da língua portuguesa, existem diversas palavras com significados muito interessantes mas que não são usadas habitualmente pelos falantes. A grande maioria destas palavras são pouco conhecidas mas, por causa dos seus significados especiais, deveriam ser mais utilizadas. Talvez falte mais divulgação ou, mais provavelmente, talvez não sejam tão utilizadas porque as situações, sensações ou sentimentos que elas definem não são muito comuns. Conheça, agora, oito palavras interessantes e pouco conhecidas.

 

1. Percuciência

Característica de quem é percuciente, ou seja, que tem perspicácia.

Exemplo: Devido à sua percuciência, conseguia ter um entendimento mais amplo do mundo.

 

2. Senescência

Processo natural de envelhecimento.

Exemplo: Conseguiremos um dia evitar a senescência do ser humano?

 

3. Asseidade

Característica de um ser que existe por si mesmo. Sendo a causa e o princípio de si próprio, não necessita de outros seres para existir.

Exemplo: A escolástica estudava a asseidade divina.

 

4. Diletante

Que se dedica a alguma coisa por prazer e não por obrigação ou profissão. Que ou o que se diverte e procura o prazer sem levar nada a sério

Exemplo: Sendo o diletante que sou, tudo fica mais fácil.

 

5. Humílimo

Grau superlativo absoluto sintético do adjectivo humilde. Que é muito humilde, extremamente humilde.

Exemplo: O actor aclamado por todos apresentava um comportamento humílimo.

 

6. Polografia

Descrição astronómica do céu.

Exemplo: Pretendia escrever uma polografia poética, mas nunca escrevia nada, apenas contemplava o infinito.

 

7. Heliopatia

Conjunto de distúrbios, perturbações ou alterações patológicas causadas pela luz dos raios solares.

Exemplo: Insolação, pigmentação cutânea, queimaduras solares e envelhecimento cutâneo acelerado são exemplos de heliopatia.

 

8. Parestesia

Sensações desagradáveis na pele como dormência, formigamento, coceira, picadas, pressão, frio, queimação, ardência,… devido a perturbações na sensibilidade táctil.

Exemplo: Esta parestesia que sinto constantemente deve ser causa pela minha má circulação sanguínea.

4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here