Início Gastronomia Estes são os 5 vegetais mais saudáveis

Estes são os 5 vegetais mais saudáveis

Regra geral, todos os vegetais são saudáveis mas alguns podem aportar mais benefícios do que outros. Descubra os 5 vegetais mais saudáveis.

0
vegetais
Vegetais

Qualquer dieta saudável tem, obrigatoriamente, que incluir frutas e vegetais. No entanto, existem vegetais mais saudáveis que outros. Regra geral, todos eles são bons para a saúde mas existem alguns que possuem calorias em excesso, por exemplo.

O consumo regular de vegetais, desde que acompanhado de uma alimentação variada e equilibrada, contribui para a prevenção de doenças metabólicas. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que quase 2 milhões de vidas poderiam ser salvas todos os anos caso as pessoas consumissem mais vegetais. Mas afinal de contas, quais são os vegetais mais saudáveis?

Que compostos possuem os vegetais?

Os vegetais destacam-se por possuírem uma ampla gama de compostos ativos que proporcionam diversos benefícios à saúde. Estas substâncias são conhecidas como fitoquímicos ou fitonutrientes.

Existem diferentes grupos de fitoquímicos e, dentro de cada grupo, há uma enorme variedade de substâncias que têm efeitos anti-inflamatórios. Além disso, eles também são responsáveis ​​por dar aos alimentos a sua cor característica.

Por exemplo, os carotenóides são um fitoquímico que fazem com que os alimentos sejam de cor alaranjada, como a cenoura. Já o alho contém um composto rico em enxofre, a alicina. As famílias dos principais fitoquímicos com propriedades anti-inflamatórias são as seguintes:

  • Carotenóides: como licopeno e beta-carotenos.
  • Compostos fenólicos: como polifenóis, flavonóides e flavonas.
  • Compostos sulfurados: como alicina e luteonina.

Quais são os vegetais mais saudáveis?

Diferentes estudos mostram que as substâncias acima referidas podem contribuir para a prevenção de doenças cardiovasculares, doenças neuro-degenerativas e até alguns tipos de cancro. Entre os vegetais mais saudáveis, que possuem uma alta contribuição destas substâncias, destacam-se os mencionados abaixo.

1. Tomate

O tomate é uma excelente fonte de licopeno (faz parte do grupo caretonóide). O consumo regular de tomate pode aportar ao organismo humano até 90% da dose necessária deste fitoquímico, que é também responsável pela cor vermelha e laranja de algumas frutas e vegetais.

Além disso, o tomate é considerado como sendo muito saudável graças ao seu baixo conteúdo em calorias e gordura e por ser rico em fibras, proteínas, vitaminas A, C e E e potássio.

2. Cebola

A cebola contém luteolina, entre outros compostos fitoquímicos. As cebolas escuras com sabor mais acentuado são as que apresentam maior actividade anti-inflamatória. O consumo regular de cebolas contribui para evitar o aparecimento de doenças crónicas. Além disso, trata-se de um alimento com excelentes propriedades anti-inflamatórias.

3. Brócolos (ou brócolis)

Oa brócolos destacam-se pelo alto conteúdo em compostos de enxofre. A luteolina é o seu principal componente e tem propriedades anti-inflamatórias. Existem estudos que sugerem que podem exercer efeitos protectores gástricos mesmo em baixas concentrações.

4. Cenoura

A cenoura é um excelente alimento do ponto de vista nutricional, por ser uma importante fonte de vitaminas e minerais, e tem sido considerada um dos vegetais com maior teor de fibras alimentares.

A sua cor alaranjada é devida à presença de carotenos, incluindo beta-caroteno ou pró-vitamina A, um pigmento natural que o corpo transforma em vitamina A. Esta vitamina favorece a saúde visual, ajuda na formação e manutenção dos dentes, ossos e membranas mucosas e mantém a pele saudável.

5. Alho

O alho possui componentes sulfurados, como a alicina, que tem uma importante função antibiótica. De facto, estudos sugerem que este alimento pode ajudar a impedir o crescimento de agentes microbianos que causam infecções.

No entanto, deve ter-se em conta que este composto não está presente no alho em bruto: é formado quando o alho é picado, esmagado ou mastigado.

Conclusão e últimos conselhos

Os vegetais são alimentos que se destacam pela sua contribuição em nutrientes e substâncias activas. No entanto, nenhuma doença do nosso organismo se cura apenas recorrendo a estes vegetais. Eles devem fazer parte de uma dieta saudável e de uma alimentação variada.

Além disso, para evitar doenças e manter a saúde, é conveniente consumir água, praticar exercício físico de forma regular e limitar o consumo de produtos processados ​​e álcool. Consulte o seu médico com regularidade e siga sempre as suas instruções.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here