Início Viagens As 5 aldeias históricas mais bonitas de Portugal

As 5 aldeias históricas mais bonitas de Portugal

São várias e espalhadas pelo centro do país e têm em comum a herança judaica. Conheça as 5 aldeias históricas mais bonitas de Portugal.

125080
1
Almeida
Almeida

Estão espalhadas pelo centro do país e têm em comum a herança judaica. São autênticas preciosidades por descobrir e estão muito preservadas. Representam, para muitos de nós, as nossas origens e, visitá-las, é um autêntico e reconfortante regresso ao passado. As aldeias históricas beneficiam de um projecto de protecção por parte das autoridades, projecto esse que tem como objectivo preservar e promover as 12 aldeias históricas de Portugal, existindo planos para aumentar o número de aldeias protegida. Descubra as 5 aldeias históricas mais bonitas de Portugal.

 

1. Almeida

Almeida
Almeida

Esta vila medieval, rodeada por muralhas, foi classificada como Património Nacional. Durante séculos, serviu como palco de lutas, como as Guerras da Restauração e as invasões francesas.

As Muralhas da Praça Forte, construídas no reinado de D.João IV como sistema defensivo, as Casamatas, que serviam de refúgio à população, em caso de guerras, o Castelo e Torre do Relógio, edificada no século XIX sobre os destroços da Igreja Matriz, são alguns dos locais mais interessantes para visitar.

 

2. Linhares da Beira

Linhares da Beira
Linhares da Beira

Na vertente ocidental da Serra da Estrela, a 180 metros de altitude, oferece paisagens deslumbrantes das montanhas, águas frescas, cultura e muita história. Conta a história que, numa noite de lua nova, as tropas de Leão e Castela invadiram a região preparando-se para assaltar o castelo. Valeu-lhe a população de Linhares que cercou o inimigo obrigando-o a fugir.

O Castelo, ex-libris da vila, construído a mais de 800 metros de altitude; a Casa da Câmara, um edifício de dois pisos ornamentado com as armas de D. Maria; o Pelourinho quinhentista, de ornamentação manuelina; e o Fórum, que funcionava como o local de reunião dos homens bons de Linhares.

 

3. Monsanto

Monsanto: José Flacho
Monsanto: José Flacho

Entre a Serra da Gardunha e o rio Ponsul ergue-se a aldeia histórica de Monsanto, considerada a “aldeia mais portuguesa de Portugal”. Como quase todas as outras aldeias, foi totalmente construída em pedra granítica e por ela passaram romanos, mouros e árabes.

O Castelo e Muralhas de Monsanto, classificados como Monumento Nacional desde 1948, a Igreja de Santa Maria do Castelo, localizada no interior do castelo, a Capela de São Miguel, um templo românico do século XII, ou a Torre do Lucano, a antiga torre sineira onde é possível ver o símbolo da “aldeia mais portuguesa de Portugal, são alguns dos sítios imperdíveis.

 

4. Piódão

Piódão - Rui Videira
Piódão – Rui Videira

Considerada “Imóvel de Interesse Público” Piódão é, provavelmente, uma das aldeias históricas mais conhecidas do país. As casas de xisto são a imagem de marca desta região e estão rodeadas pela paisagem verdejante da Serra do Açor.

A Igreja Matriz com o altar-mor em talha dourada, a Fonte dos Algares, totalmente construída em xisto, a Capela de São Pedro e o Núcleo Museológico do Piódão, um espaço que retrata a forma de vida da população da aldeia, são locais que não pode deixar de visitar.

 

5. Sortelha

Foto: Susana Soares
Sortelha

A mais de 760 metros de altitude, Sortelha é uma das aldeias mais antigas do país. Toda construída em granito, permanece com o seu traçado medieval, há mais de 500 anos. Os habitantes são conhecidos por “lagartixos” devido às casas expostas ao sol e o castelo, do tempo de D. Sancho II, mantém-se intacto, vigiando a pequena aldeia.

O Castelo, classificado como Monumento Nacional desde 1910, a Igreja de Nossa Senhora das Neves (ou Igreja Matriz), localizada no Largo da Igreja, a Igreja da Misericórdia e os Passos da Via Sacra.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here