Início Viagens 15 fantásticos locais para visitar perto do Porto

15 fantásticos locais para visitar perto do Porto

Pretende passear pelos arredores do Porto? Viaje connosco e descubra 15 fantásticos locais para visitar perto do Porto e deslumbre-se com a beleza do Norte.

413207
5

7. Amarante

Amarante é uma agradável cidade do Norte de Portugal, sede de concelho, considerada uma das mais belas do País, banhada pelo pacífico e belo rio Tâmega.

Amarante
Amarante

As tradicionais ruas de Amarante, com construções em materiais da região como o granito, respiram história e Património, oferecendo locais únicos, e monumentos dignos de registo como o maravilhoso Convento e Igreja de São Gonçalo, a bela a imponente Ponte, as Igrejas de São Pedro e São Domingos, o belo Solar dos Magalhães ou a Casa da Cerca.

 

8. Igreja de Cortegaça (Ovar)

A Igreja Matriz de Santa Marinha de Cortegaça, conhecida simplesmente por Igreja Matriz de Cortegaça localiza-se na vila e freguesia de Cortegaça, freguesia portuguesa do concelho de Ovar, distrito de Aveiro, em Portugal. As fontes relativas aos séculos X e XI não referem o templo, a sua padroeira ou o seu abade.

Igreja Matriz de Cortegaça - Luís Neves
Igreja Matriz de Cortegaça – Luís Neves

No início do século XIII Sancho I de Portugal legou bens a D. Maria Pais Ribeiro (a Ribeirinha) e, desde então os seus descendentes sempre se declararam herdeiros naturais ou padroeiros da Igreja Matriz de Cortegaça. D. Constança Sanches, filha de ambos, declara formalmente que recebeu esse “direito” de sua mãe, direito que legou por sua vez ao Mosteiro de Grijó e que, aqueles frades nunca deixaram de exercer.

 

9. Moinhos de Rei (Cabeceiras de Basto)

Conjunto de moinhos, construídos no reinado de D. Dinis, primeiro rei que no nosso país, sobretudo no Entre-Douro-e-Minho, incentivou e desenvolveu a indústria da moagem. Até aí era quase exclusivamente realizada pelo esforço do homem ou do animal, esmagando o cereal primeiramente entre duas pedras e recorrendo depois ao pilão e ao gral.

Moinhos de Rei
Moinhos de Rei

A invenção dos moinhos de água (azenhas) abriu uma nova era na moagem, actividade antes realizada pelo moinho-a-braços. Estes moinhos comunitários pertenciam ao Rei e declarava-se que metade do seu rendimento seria para a Coroa. Mais tarde passaram a pagar ao Rei apenas um imposto simbólico.

5 COMENTÁRIOS

  1. Boa tarde

    Gostaria de sugerir para que a navegação do site fosse no formato do facebook, com rolagem infinita.
    Fica um pouco cansativo ficar carregando , por exemplo, 5 paginas, para ver os 15 jardins mais bonitos de Portugal..

    obrigado

  2. Decidam-se!

    Dizem num artigo que Matosinhos é uma das cidades mais feias do país, e depois já tem um dos locais mais fantásticos a visitar perto do Porto?

    A não ser que quem escreve estas coisas pense que Leixões seja uma cidade…

  3. Não se decepcione Hugo, disseram a mesma coisa de Valongo.
    e depois mostram os moinhos de Penafiel.Será que já visitaram os moinhos de couce ?
    pois se não o fizeram tem que o fazer, para falarem com propriedade sobre o Valongo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here