Início Viagens 12 fantásticos locais para visitar perto de Chaves

12 fantásticos locais para visitar perto de Chaves

Parques naturais, parques de aventura, rios selvagens, castelos, aldeias tradicionais... há um pouco de tudo para descobrir perto de Chaves.

0
Montalegre
Montalegre

A belíssima cidade de Chaves tem muito para descobrir. Começando pelas suas termas e pela famosa Ponte Romana de Trajano até à mais recente novidade turística de Portugal: a estrada nacional 2, que aqui tem o seu início.

No entanto, de procura sítios para visitar nos arredores de Chaves, há também muito para descobrir. Pode optar por aventurar-se pela vizinha Espanha e ir até Sanabria, por exemplo. Ou pode escolher manter-se fiel às suas origens e descobrir alguns pequenos tesouros portugueses nas redondezas.

Por isso mesmo, abasteça-se de alguns bons pastéis de Chaves para o caminho e parta à descoberta de algumas das belezas desta região. Por entre termas e castelos, parques de diversões e rios selvagens, parques naturais ou trilhos pedestres… estes são os melhores locais para visitar perto de Chaves.

1. Montalegre

trás-os-montes
Montalegre – Fernando Ribeiro

A vila de Montalegre é uma das mais carismáticas e bonitas de Portugal. Esta pequena localidade transmontana distingue-se pela sua natureza deslumbrante, englobando no seu território parque do Parque Nacional Peneda Gerês, com muitos pontos de interesse e atracções turísticas para visitar.

A população de Montalegre sempre viveu intimamente ligada ao meio que a rodeava e isto pode ser comprovado ainda hoje nos seus vestígios arqueológicos e nas suas tradições. O povo desta terra soube, como poucos, aproveitar os poucos recursos ao seu dispor e maximizá-los.

2. Vidago

Campo de Golf
Campo de Golf de Vidago (Fernando Ribeiro)

Vila termal, situada à sombra da serra da Padrela, num vale fértil percorrido pela Ribeira de Oura. A vila de Vidago assume-se como uma vila termal notável sob o ponto de vista histórico, cultural e paisagístico, constituindo uma referência nacional e um destino turístico de excepção.

Desde a descoberta das Águas minerais, em 1863, que a vila possui uma forte ligação às práticas termais, tendo sido, outrora, considerado um dos balneários termais mais célebres de Portugal.

Desde essa altura, a vila termal viveu um período de esplendor. Com a inauguração do emblemático Vidago Palace Hotel, a vila termal tornou-se uma estância termal de excelência, a principal estância turística de Portugal.

Foi destino de eleição da aristocracia portuguesa e europeia em busca das propriedades terapêuticas das milagrosas águas medicinais. Desde então, Vidago é sinónimo de repouso, cura, charme e elegância.

3. Rio Poio

Rio Poio
Rio Poio – Rui Videira

Trata-se de um dos rios mais desconhecidos de Portugal e, talvez, um dos mais belos. Em Ribeira de Pena, Trás-os-Montes, o rio Poio deslumbra quem o visita pela pureza das suas águas e pelo seu percurso repleto de rochas gigantes que proporcionam vários locais com cascatas e lagoas onde é possível refrescar-se nos dias de Verão.

Até há pouco tempo, o Rio Poio era apenas conhecido pelos habitantes das redondezas, especialmente na aldeia de Cerva. No entanto, nos últimos anos, tem dado cada vez mais que falar e atrai cada vez mais curiosos.

4. Parque Biológico de Vinhais

locais para visitar no Parque Natural de Montesinho
Parque Biológico de Vinhais

O Parque Biológico de Vinhais (PBV) é um equipamento público, instalado pela Câmara Municipal de Vinhais no Viveiro Florestal de Prada, local incluído no Perímetro Florestal da Serra da Coroa, a escassos 3km do centro de Vinhais e em pleno Parque Natural de Montesinho.

Tem como finalidade a interpretação da paisagem da região nas suas componentes naturais (fauna, flora e geologia), culturais e históricas; a conservação da natureza, a promoção da biodiversidade e o ecoturismo.

5. Puebla de Sanabria

locais para visitar no Parque Natural de Montesinho
Puebla de Sanabria

Puebla de Sanabria é um município raiano da Espanha na província de Zamora, comunidade autónoma de Castela e Leão. Pertence à rede das Aldeias mais bonitas de Espanha. As terras de Seabra, pela sua riqueza paisagística e a nível da flora e fauna, está classificada como Parque Natural.

Uma das jóias deste Parque é o lago de Sanábria, inserido no vale do rio Tera, que pelo seu percurso conhece várias barragens, desde a sua nascente na serra de Peña Trevinca próxima ao lago, elevação que atinge os 2 124 metros de altitude. Não muito distante, na também próxima Serra Segundera, nasce o rio Tuela, um dos afluentes do rio Tua.

6. Castelo de Monterrei

Castelo de Monterrei
Castelo de Monterrei

Localizada bem perto de Chaves, esta fortificação esteve em poder de algumas das mais poderosas linhagens da Galiza: os Ulloa, os Zúñiga, os Viedma, os Fonseca, os Acevedo e finalmente a Casa de Alba e está intimamente ligada à História de Portugal.

No século XII, o primeiro rei de Portugal Afonso Henriques, neto de Afonso VI de Castela e Leão, edificou o castelo, porém este rapidamente passou para o reino de Leão e Castela com a assinatura do Tratado de Tui em 1137, renunciando Afonso Henriques a possessões e pretensões na Galiza.

7. Vilarinho de Negrões

Vilarinho de Negrões
Vilarinho de Negrões

Na margem sul da Albufeira do Alto Rabagão encontra-se Vilarinho de Negrões, uma das aldeias mais pitorescas de toda a região, pelo seu casario ainda relativamente preservado e, acima de tudo, por se encontrar sobre uma estreita e bela península – um pedacinho de terra poupado à subida das águas.

Vilarinho de Negrões é assim uma terra que se vê diariamente ao espelho e se distingue à distância pela sua perfeita simetria, uma espécie de Jardim do Éden português. Perto, situa-se a freguesia de Negrões, alma gémea, que possui um forno todo em granito. É um monumento a contrastar com canastros esguios, onde o milho e o centeio se conservam.

8. Pedras Salgadas spa & nature park

Pedras Salgadas spa & nature park
Pedras Salgadas spa & nature park

O Pedras Salgadas spa & nature park, é um conjunto turístico de 4 estrelas, situado no interior norte de Portugal a 580 metros de altitude, em pleno Parque de Pedras Salgadas, pertencente ao concelho de Vila Pouca de Aguiar, entre Vila Real e Chaves.

O Parque de Pedras Salgadas dispõe de 20 hectares, com oito quilómetros de caminhos, que levam à descoberta dos seus meandros. Aqui toda a energia emanada pela natureza permanece intacta.

Pedras Salgadas esteve de facto no trajecto de férias da realeza. Hoje esta deleitosa vila termal tornou-se um destino ‘fashion’. O poder das águas e a beleza natural do parque contribuem para atrair os turistas, que chegam de toda a parte do mundo.

9. Mirandela

Mirandela
Mirandela

Mirandela é uma bonita cidade situada nas margens do rio Tua, pertencente ao distrito de Bragança, na região norte de Portugal. Em Mirandela estão dos melhores valores arquitectónicos do concelho, como o Palácio dos Távoras, imponente construção nobre reedificada no século XVII, ou ainda o Solar dos Condes de Vinhais.

Em Mirandela nasceu ainda o conceito de cidade jardim. O culto da flor invadiu todos os espaços. Milhares de belas flores estendem-se por uma cidade inteira que vale a pena visitar. A sua gastronomia (incluindo as famosas alheiras de Mirandela) é outro dos bons motivos para visitar esta cidade transmontana.

10. Parque Natural de Montesinho

Parque Natural de Montesinho
Parque Natural de Montesinho

Verde, xistoso, rural, montanhoso, calmo e tranquilo – é assim que se caracteriza a serra de Montesinho. Sendo uma área protegida, esta serra detém um dos maiores parques naturais de Portugal, uma vez que abrange o norte dos concelhos de Bragança e Vinhais, fazendo assim fronteira com Espanha.

Uma vez que a beleza desta região não deve ser ignorada, o Parque Natural de Montesinho convida a explorar alguns trilhos existentes para aproveitar os encantos naturais transmontanos.

11. Pena Aventura

Pena Aventura
Pena Aventura

O Pena Aventura Park localiza-se junto ao Parque Natural do Alvão. Esta localização oferece um enquadramento único. Ao longo dos seus 16 hectares é constante o contacto com a paisagem envolvente, fauna e flora únicas do parque.

Este será certamente um parque para todas as idades e terá as mais variadas actividades em campo aberto, proporcionando sensações de liberdade e de pura adrenalina, levando as pessoas a conviverem mais, a sentirem-se mais saudáveis e bem dispostas, libertando-as do stress do dia a dia.

12. Serra da Padrela

Serra da Padrela
Serra da Padrela (António Teixeira)

A Serra da Padrela situa-se no limite do concelho de Valpaços e Vila Pouca de Aguiar e atinge no seu ponto mais elevado a 1151 metros. Um dos seus principais atractivos durante todo o ano é o Miradouro Natural da Serra da Padrela, de onde se avistam sete concelhos.

Por entre as aldeias que são acolhidas pela Serra da Padrela, ninguém fica indiferente á paisagem impar que a natureza lhe fornece. Conjuntos de fragas impressionantes, líquenes colados a elas em tons que variam do verde-claro-quase-amarelo e o muito escuro.

Há pinheiros por toda a parte e árvores vestidas apenas de musgos. O horizonte divide-se entre pinhais, soutos e campos de cultivo divididos cromaticamente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here