Início Viagens 15 pequenos paraísos para visitar perto de Lisboa

15 pequenos paraísos para visitar perto de Lisboa

Se vai visitar a capital, não fique apenas pela cidade. Descubra também estes 15 pequenos paraísos para visitar perto de Lisboa.

773545
7
Ericeira
Ericeira

Visitar Lisboa é sempre fantástico mas ao seu redor há muito mais para descobrir, seja para os estrangeiros ou mesmo para os turistas portugueses. Podem ser praias paradisíacas, pequenas aldeias e até palácios e castelos. Perto de Lisboa existe uma imensidão de locais para descobrir e visitar consoante os seus gostos e os seus planos. Existem também diversas cidades próximas a Lisboa que merecem uma visita, seja de apenas um dia ou mais demorada: Peniche, Sintra, Ericeira, Óbidos, Sesimbra, Mafra…

Há muito para conhecer, visitar e fazer nos arredores de Lisboa e a escolha não é fácil. A grande maioria dos locais, incluindo as cidades ao redor de Lisboa, são acessíveis por transportes públicos. No entanto, para alguns destinos e para mais comodidade, pode precisar de ter o seu próprio meio de transporte. Descubra 15 pequenos paraísos para visitar perto de Lisboa.

 

1. Azenhas do Mar

No concelho de Sintra, a apenas alguns minutos de Lisboa, fica esta pequena aldeia, considerada por muitos como uma das mais bonitas de Portugal. A aldeia é famosa especialmente pelo seu restaurante que atrai milhares de pessoas todos os anos e é um local bastante acolhedor e moderno com ementa à base de peixes e mariscos da nossa costa. Aqui, no restaurante das Azenhas do Mar, junto à piscina, a uma azenha e ao mar, perde-se o olhar na praia. Com a maré cheia, a água deve chegar aos pilares da esplanada que está cá no alto. Por cima, fica a bonita povoação das Azenhas do Mar, toda muito branquinha construída sobre a rocha.

Azenhas do Mar
Azenhas do Mar

Vê-se tudo isso daqui. Lá dentro ouve-se música ambiente, a condizer com o meio. As cores predominantemente claras reflectem a luz. Metade do revestimento das paredes fica a cargo das madeiras em tom cru e os delicados estores de palha estão subidos para se ver as vistas. Uma selecção de vinhos bem elaborada. A comida é tão apreciada quanto a paisagem que daqui se avista.

 

2. Aldeia da Mata Pequena

A Aldeia da Mata Pequena é um pequeno povoado rural, composto por uma dezena de habitações, situado a escassos 30 minutos da cidade de Lisboa. A presença humana na Mata Pequena remonta ao período da ocupação romana, como atestam os vestígios aí encontrados.

escapadinhas
Aldeia da Mata Pequena (Mão Cheia Fotografia)

Contudo, dos 70 habitantes que viviam na aldeia no século XIX, já só restam uma dezena e meia que teimam em manter vivos os usos e costumes de outrora. Trata-se de um lugar enquadrado na denominada Zona de Protecção Especial do Penedo do Lexim onde se ergue um vulcão já extinto que acolhe uma importante estação arqueológica. A Aldeia aluga as suas pitorescas casas para Turismo Rural.

 

3. Convento da Arrábida

Quando visitar Lisboa, guarde um dia para explorar a zona incrível do Parque Natural da Arrábida. Além das belas praias escondidas e da beleza estonteante do estuário do Sado que encontra ao subir a Serra; o Convento da Arrábida está à sua espera, escondido pela vegetação, numa configuração única no país. As celas estão espalhadas pela encosta e parecem uma aldeia eremita, o que caracteriza este convento franciscano fundado em 1542 por Frei Martinho de Santa Maria.

setúbal
Convento da Arrábida

Existem, inclusivamente, celas escavadas nas rochas no topo da serra, junto à Ermida da Memória, local onde se estabeleceram os primeiros quatro frades arrábidos. Hoje em dia, o convento pertence à Fundação do Oriente e é necessário marcar a sua visita previamente, que pode acontecer às quartas feiras, aos sábados e aos domingos. Venha encontrar a espiritualidade pura no meio da serra da Arrábida.

7 COMENTÁRIOS

  1. Fiquei apaixonada e com vontade de conhecer todos eles. Provavelmente, irei a um deles na minha próxima (e rápida, infelizmente) passagem por Lisboa.
    Poderia ter no texto como se faz para chegar em cada um dos locais, se têm fácil acesso por transporte público etc.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here