Início História Odiana: o verdadeiro nome do rio mais famoso do Alentejo

Odiana: o verdadeiro nome do rio mais famoso do Alentejo

Foi o primeiro e o verdadeiro nome do rio mais famoso do Alentejo durante séculos. Chamava-se Odiana. Descubra a sua história.

3555
1
PARTILHE
fim de semana romântico
Sanlucar de Guadiana

Os romanos foram os primeiros a deixar registo escrito do nome do grande rio do sudoeste peninsular. Chamaram-lhe rio Ana ou Anas, não sendo conhecida com rigor a origem desta denominação.

Após a invasão muçulmana, alguns rios do sul da península tiveram o nome alterado pela anteposição da palavra ‘uad’, termo árabe que significa ‘rio’. Foi o que aconteceu com o Ana que passou a ser chamado ‘uad Ana’.

As novas designações entraram no uso das populações locais, mas a anteposição ‘uad’ evoluiu de forma diferente nas línguas neo-latinas da península. Nos dialetos galaico-lusitanos falados em toda a faixa atlântica, passou a ‘od’, ‘ode’, ou ‘odi’; enquanto que em castelhano passou a ‘guad’ ou ‘guadi’, e em alguns casos o rio deu nome a lugares nas suas margens. É por esta razão que o nome de vários rios e localidades do sul de Portugal começa por ‘od’ (ex. Odivelas, Odeleite, Odiáxere), enquanto que em Espanha começa por ‘guad’ (ex: Guadalquivir, Guadalete, Guadarrama).

O ‘uad Ana’ não escapou a esta regra. Até pouco depois do final da Idade Média o rio foi oficialmente nomeado e popularmente conhecido em Portugal por Odiana. O termo foi até empregue para designar uma das cinco comarcas medievais, o ‘Entre-Tejo-e-Odiana’, que correspondia ao atual Alentejo.

A influência cultural e literária espanhola no século 16 veio alterar a designação que em Lisboa se dava ao rio, e Camões já o refere por “Guadiana” nos “Lusíadas”.

Durante o período dos Filipes, a administração portuguesa ao serviço dos reis espanhóis adotou a designação Guadiana harmonizando o nome do rio nos dois países. Após a deposição da monarquia estrangeira, o nome português do rio não foi recuperado na terminologia oficial. Com o tempo, também o povo foi trocando o nome ao rio e a mudança consolidou-se.

O uso de ‘Guadiana’ em lugar de ‘Odiana’ é um castelhanismo consolidado por influência cultural e administrativa espanhola em Portugal na passagem do séc,16 para o 17. Infelizmente é também um símbolo da falta de brio dos portugueses, sejam eles governados ou governantes, pela história e património do seu próprio país.

Fonte: Rio Odiana

Mais artigos

porque se chama invicta a cidade do porto

Sabe porque chamam Invicta à cidade do Porto?

Sabe porque chamam Invicta à cidade do Porto? Em 1111, D. Teresa, mãe do futuro primeiro rei de Portugal, concedeu ao bispo D. Hugo o...

Mais recentes

língua portuguesa

Língua portuguesa entre as mais poderosas do mundo

Recentemente, a imprensa nacional e também internacional divulgou os resultados do Power Language Index (PLI), divulgado pelo Fórum Económico Mundial. Os resultados indicam que...

REDES SOCIAIS

142,196FãsGostar
227SeguidoresSeguir
629SeguidoresSeguir

Um comentário

  1. Mas qual é o problema de ao rio Guadiana se chamar actualmente Guadiana, quando antes foi Odiana, do árabe UADI (RIO) e do romano ANNAS (por deciffrar). A ter o nome antigo e que provavelmente durou mais tempo, teríamos Ana (simplificando), portanto Rio Ana. Há documentos doséculo XV que já referem um fronteiro mor de Entre Tejo e Guadiana, nome como se vêm, provavelmente bem mais antigo do que o árabe Uádi. O termo água até está correcto, G`ua di Ana, água de Aqvae, logo, e como ao Guadiana também os alentejanos chamam ribeira de Guadiana, aqui vai: a do guadiANA, isto é, a ribeira ou a água do rio Ana. LB

Deixe seu Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here