Início Notícias Eco-aldeia à procura de pessoas e famílias para viver em Portugal

Eco-aldeia à procura de pessoas e famílias para viver em Portugal

Português ou estrangeiro a pensar viver em Portugal, esta notícia pode ser para si. Há uma aldeia no norte de Portugal à procura de pessoas para viverem lá.

18866
1
PARTILHE
viver em Portugal

Seja você português ou seja um estrangeiro a pensar viver em Portugal, esta notícia pode ser para si. Passar a ter uma vida natural em total harmonia com a natureza, os animais e o planeta. Este é o convite para famílias e amigos vegetarianos que queiram viver em comunidade numa eco-aldeia no norte de Portugal, e que está a circular nas redes sociais há alguns meses, tendo já chegado à vizinha Espanha.

O espaço onde a sua nova tribo se pode instalar está no norte de Portugal. São 120.000 metros quadrados de terreno, quatro casas meio reformadas, um imóvel grande em ruínas e outros dois pequenos antigos moinhos abandonados e um antigo hórreo de 1.860, segundo conta o site tunuevainformacion.com

A propriedade é banhada por um rio de água cristalina onde se pode tomar banho, num cenário marcado por rochas e grandes árvores.

Os mandamentos deste projecto de autosuficiência, alimentação respeituosa, espiritualidade, ecologia e educação livre:

1 – A eco-aldeia funciona de maneira democrática e as decisões tomam-se por consenso

2 – Cada qual vive num espaço privado (casa) e partilha os espaços comunitários

3 –  Existem hortas comunitárias para necessidades alimentares diárias e cíclicas

4 – Existem edificações comunitárias, como escola, padaria, oficina, etc.

5 – É assumida a educação das crianças

6 – Apenas é comercializado economicamente o que é produzido na comunidade

7 – Ajuda mútua para levar uma vida mais fácil e divertida

8 – Vive-se na aldeia desde o coração

9 – A presença na eco-aldeia deve ser livre de encargos económicos e dívidas

10 – A eco-aldeia é de alimentação vegetariana

11 – A eco-aldeia está vinculada ao seu entorno

12 – Faz-se fogo com lenha, medos e egos

“Em resumo, somos famílias que amamos a natureza e reduzimos o âmbito das necessidades e a dependência do dinheiro. Autogestionamos a saúde, a educação, a alimentação, a energia, a ajuda mútua e tudo o que seja necessário”, pode ler-se no anúncio publicado pela eco-aldeia vegetariana, frisando ainda que “cada qual vive no seu espaço, compartindo actividades, terras e crescimento individual e grupal”.

Mais artigos

As 10 comidas de que um emigrante português mais tem saudades

Broa de milho Há emigrantes com sorte (ou sabedoria) que vão parar a países onde o pão não tem validade de seis meses. Há outros...

Mais recentes

História desconhecida de Portugal: a Guerra Civil de Alares em 1923

História desconhecida de Portugal: a Guerra Civil de Alares em 1923 Perto das imponentes escarpas do Tejo Internacional e numa região conhecida desde há muito...

REDES SOCIAIS

101,972FãsGostar
179SeguidoresSeguir
521SeguidoresSeguir

Um comentário

  1. gostaria imensamente de morar no pais que mais eu amo no mundo portugal. tenha grande admiração por esse país, sou um eterno fã de portugal, tenho esse lugar como minha pátria mãe. também adoro a riquesa arquitetonica portuguesa, que pra mim é a mais linda e mais perfeita arquitetura do mundo. como devo fazer já tenho 65 anos de idade, tenho filhos e netos e adoraria ter uma naturalidade portuguesa, sou Brasileiro da cidade de Feira Nova, estado de Pernambuco – Brasil. sei que é muito difícil para mim ter esse sonho realisado, mas pelo menos tive uma oportunidade de me comunicar com meus irmãos portugueses. um forte abraço pra quem receber essa mensagem e para todos do meu pais que amo de coração. feira nova-pernambuco Brasil. 11-01-2017.

Deixe seu Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here